Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quarta-feira, 10 de junho de 2015

Estrela Radiante - Terror nacional no estilo Stephen King

Atualmente tive o prazer de assistir o curta metragem Estrela Radiante, da diretora Fabiana Servilha, e que vi algumas pessoas comentando sobre a semelhança da obra com o conto "A cor que caiu do espaço", do escritos americano H.P. Lovecraft, no entanto quando fui assistir, notei um clima que acabou me lembrando bem mais o conto Weeds do Stephen King, e que ao pesquisar um pouco, pude comprovar que realmente o curta era voltado mesmo pra essa direção, já que a diretora é fã de King.

A história fala de uma coisa brilhante que caiu do céu e um caipira foi até lá pra descobrir o que era, ele acabou achando um dispositivo estranho e tentou abrir e em meio a toda essa curiosidade, acabou sendo contaminado pela coisa, bolhas passaram a crescer por todo o seu corpo e até mesmo as coisas que ele entrava em contato, passaram a ter mudanças. Os moradores locais ficaram apavorados, se afastando e deixando-o só, exceto por um amigo.

Para quem viu as duas obras citadas, pode notar que há elementos que lembram os dois, o próprio nome "Estrela Radiante" é algo que acho mais voltado para "A cor que caiu do espaço", assim como a ideia de moradores que ficam com medo e até um certo toque espiritual e alienígena juntos que aparecem, são elementos bem Lovecraftianos mesmo. Por outro lado o clima não é nada parecido e fica bem mais voltado para Weeds, com coisas como uma lata sendo infectada, mostrando que a "coisa" é realmente forte pra ser capaz de fazer isso até mesmo com metal, o desenvolver também tem um toque completamente no estilo Stephen King.

O curta metragem tem 25 minutos e é realmente algo agradável de se ver, mesmo com o toque "Tenho a impressão de já ter visto isso", ele carrega uma personalidade própria, apesar de ser uma homenagem, no fim das contas segue o seu próprio caminho e tem todo um mistério, especialmente com o final, que é intrigante pra caramba. É como o filme A bolha assassina, que também tem início exatamente da mesma forma que as outras obras, mas segue um caminho bem diferente.

Enfim, o curta foi exibido em diversos festivais nacionais de cinema e se vocês tiverem a oportunidade, assistam porque vale a pena! É algo rápido que vai direto ao ponto, divertido, e com um baita de um toque de mistério que te deixa muito curioso.

Nenhum comentário: