Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Motorama - Jogo de corrida de carros dos anos 50!

Na primeira vez que bati os olhos nesse jogo, eu já fiquei encantado, acredito inclusive que a maioria das pessoas, especialmente os que se atraem por jogos desse gênero devem sentir o mesmo. Digo isso porque é tão comum ver cópias de Need for Speed que não mudam absolutamente nada, e eu realmente não lembro de ter jogado algo que se passa nessa época, portanto acredito que a ideia tenha sido de muito bom gosto e também logo me despertou aquele pensamento de "Como diabos ninguém nunca pensou nisso antes?".

A história é bastante simples e te coloca no papel de um rapaz que quer se tornar o rei das ruas na década de 50, e por isso começa a participar de corridas ilegais de carro, que se passam em diversos lugares, mas para isso terá que começar a ter reconhecimento e fazer sua carreira, e assim enfrenta vários corredores e aos poucos vai desafiando aqueles que são mais conhecidos.

Certamente a ideia do jogo é boa, mas apesar disso também há elementos muito mal aplicados, e assim você precisa ter um pouco de paciência especialmente no início. Aqui são apresentados carros antigos e não tão potentes quanto os atuais, algo que com certeza é capaz de deixar alguns nervosos, mas uma visão realista da coisa é necessária. Agora o que eu sei bem que pode frustrar logo de início, é a primeira corrida, afinal de contas os jogadores em geral esperam vencer em primeiro lugar, mas essa corrida é praticamente impossível se vencer em primeiro lugar, a verdade é que quase certamente você chegará em último lugar, creio eu que foi feito de propósito, pois só há três corredores e todos ganham prêmios.

As coisas começam a melhorar quando você passa a usar a garagem do jogo e assim gastar em peças para melhorarem a potência do motor, freios e outras coisas, Infelizmente esse sistema de melhora acaba sendo meio desagradável por apresentar sim várias peças, mas se você comprar a mais cara, não há porque comprar as outras, e assim eu venci em segundo lugar na primeira corrida do jogo, o que me deu dinheiro o suficiente para melhorar o motor e aumentar a velocidade, e também acabou com a minha chance de ir comprando peças mais baratas e querer juntar dinheiro para comprar as mais poderosas, eu simplesmente já não precisava comprar as anteriores, então se você ir vencendo e só comprar a peça mais cara de todas as partes do carro, rapidamente irá acabar com a garagem.

Por sorte existem carros variados também e você pode ir a concessionária para comprar um outro modelo e assim melhorar ele, mas acho que seria bem mais legal ter uma quantidade maior de opções de peças e fazer você investir por muito tempo no mesmo carro, isso seria certamente bastante incrível.

Os gráficos do jogo não são lindos, mas são muito agradáveis, é bem fantástico correr por meio de ruas enquanto desvia de outros carros e observar ambientes rurais e urbanos muito bem feitos apesar da limitação gráfica, sendo assim é um dos pontos mais positivos do jogo, mesmo não sendo algo muito realista.

Enfim, esse é um jogo que eu gostei, eu voltei a jogar ele após testar e foi agradável o momento apesar de reiniciar várias vezes algumas corridas, é naturalmente um jogo difícil, mas que me agradou, agora sei também que não é para todos os públicos e pode gerar uma baita de uma frustração, sendo assim se você for jogar, esteja preparado para dar uma chance a ele antes de desistir, pois você provavelmente vai precisar QUERER jogar pra amá-lo. Quem se interessar pode dar uma conferida no site oficial de Motorama.

Nenhum comentário: