Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Kindle - Uma plataforma que vai te surpreender muito!

É inegável que existe toda uma beleza em se ter uma estante cheia de livros, não é apenas questão da satisfação em se ter uma coleção e poder ter orgulho disso, mas também como é mais gostoso poder ler segurando o livro. Apesar disso, hoje em dia as coisas mudaram, e por incrível que pareça, livros digitais passaram a ter o seu destaque. Sei muito bem que existe um grande preconceito em cima desse tipo de livro, e eu mesmo tinha um pensamento um tanto errado até conhecer Kindle, um aplicativo para dispositivos móveis e computador, feita para a leitura de livros virtuais que me surpreendeu um bocado.

Antes de tudo é bom falar que eu tinha um baita preconceito com livros virtuais. Isso começou há muito tempo atrás quando livros virtuais basicamente eram PDF's e arquivos do word, na maioria das vezes relacionados a pirataria. Era o tipo de medida desesperada que quando alguém precisava muito ler urgentemente, acabava recorrendo a métodos ilegais, e assim ia a sites de pirataria baixar, apenas mais uma amostra do ditado "Na internet você encontra tudo". Assim como a maioria, eu sempre achei um verdadeiro saco ler livros na tela do computador, e somado isso ao prazer de ter uma versão física na minha estante, naturalmente passei a ter aversão a esse tipo de livro.


Quando as lojas começaram a vender e-books, o que pensei foi logo um "Tem que ser muito trouxa pra pagar por algo que não é físico", afinal de contas sempre tive o pensamento disso ligado a pirataria, então por que diabos uma pessoa pagaria por algo que nem ao menos irá guardar em casa? Que vantagens se teria em alguém comprar um PDF que oferece exatamente o mesmo que a versão ilegal da coisa?

Só que aí é que olho para trás e vejo outras coisas que aos poucos foram perdendo espaço em versão física, como por exemplo os CD's, antigamente todo mundo queria comprar, as pessoas diziam que nunca iriam deixar de comprar um CD para ter a versão virtual da coisa, hoje em dia com os dispositivos que temos, em geral é muito mais comum as pessoas comprarem versão digital, e é quase impossível ver alguém na rua usando um Discman. Com os jogos a mesma coisa, é impressionante como hoje a steam e outras plataformas do gênero tomaram lugar no mercado e é super comum ver pessoas pagando por jogos que só tem singleplayer, então por que não os livros?

Bom, aí vemos aqueles problemas, ler no PC e nenhuma vantagem em relação a pirataria. Mas com a chegada da era dos smartphones e dispositivos  móveis em geral, parece que as empresas souberam muito bem tirar vantagem disso e observaram esse a visão pessimista do consumidor em relação aos livros digitais, e assim decidiram se adaptar. Uma amostra clara é o Kindle, um dispositivo móvel da Amazon feito para competir com o ipad, mas com foco especial na leitura, mas que nesse quesito acabou se expandindo, pois também foram lançados aplicativos usando a marca "Kindle" para outras plataformas que usam o mesmo sistema que o Kindle físico oferece na parte de leitura.

O grande diferencial é que ele é conectado diretamente ao site da Amazon e dá suporte a leitura de livros, revistas, quadrinhos e mangás. Mas além disso, ele age como a steam e tem a sua biblioteca de livros, além de milhares de livros grátis, sem contar que há também as promoções onde livros pagos são distribuídos gratuitamente por um certo período.

Outra coisa que faz a plataforma dar muito certo, é que não são usados formatos tão conhecidos de ebooks como pdf, doc e txt, mas sim o formato ePub, que deixa as coisas realmente muito organizadas, nele é possível configurar o tamanho da fonte, as cores de fundo e texto, além do brilho que a tela deve ter, dessa forma se adaptando a qualquer tamanho de tela e ficando adequado para qualquer usuário com poucos cliques. Outra coisa legal é que enquanto você vai clicando (Ou arrastando) para mudar de página, a porcentagem de quanto você já leu vai sendo mostrada em baixo, e quando você parar e voltar a ler, o aplicativo terá salvo naquela porcentagem e se você quiser voltar ou avançar, basta arrastar uma barra que você pode acessar no menu.

Então o Kindle acabou ficando realmente algo semelhante a steam, onde você tem a área de biblioteca e ao clicar vai vendo as capas dos livros, pode escolher um e começar a ler, algo muito prático para a época atual. Além disso como os livros que você adquire estão associados a sua conta, mesmo que você troque de celular ou desinstale para liberar espaço, você só precisa fazer o login na sua conta em qualquer lugar para ter acesso a sua biblioteca. Depois que você baixa o livro que escolheu não é preciso estar conectado a internet para ler, mas você terá que anteriormente ter baixado o aplicativo e logado na sua conta pra poder abrir o livro ali dependendo da proteção que o autor colocou.

Sobre esses sistemas de proteção, variam dependendo do autor, alguns são rígidos e se você compra, só poderá acessar ele pela conta e pronto. Outros permitem a opção de empréstimo, nela você pode pegar um livro que tem e enviar para um outro aparelho com Kindle, e o dono dessa outra conta irá ter acesso ao livro por um determinado período, depois sumirá. E existem os escritores que desativam completamente qualquer proteção, permitindo assim que o comprador baixe, pegue o arquivo e envie para qualquer pessoa.

Esse aplicativo também é ótimo porque você não precisa pagar um centavo para se divertir muito com ele, afinal de contas há vários autores (Muitos nacionais) que lançam livros gratuitos lá, existe por exemplo a loja contém "Os 100 livros grátis mais baixados", onde você pode ter uma ideia dos que as pessoas mais gostam. Mas não achem que existem apenas autores desconhecidos com livros gratuitos, os livros do Sherlock Holmes são grátis! E há também as promoções que distribuem livros de tempos em tempos e quem pegar, terá acesso pra sempre em sua conta.

Há também um sistema de atualizações que permite que o livro seja melhorado, você certamente já deve ter visto em livros impressos alguns erros que acabaram passando despercebidos, aqui existe o sistema semelhante ao de patchs que corrigem erros em jogos, mas aqui os erros são corrigidos no livro e você atualiza pra nova versão revisada que pode inclusive trazer conteúdo extra. O melhor é que qualquer smartphone barato roda.

Enfim, estou falando sobre esse aplicativo porque eu lancei um livro na Amazon, e o meu pensamento até então era que ebooks eram só no estilo PDF que você baixa um arquivo, abre e fica puxando aqui e ali pra aumentar tamanho, e é super desconfortável, mas quando vi que a plataforma deles era essa, foi um verdadeiro susto, para quem se interessa por livros, fica aí a dica, pode não ser tão prazeroso quanto ver na estante, mas a ideia de ter uma biblioteca, você ir arrastando o dedo e ver passando vários títulos que estão na sua conta, também causa uma ótima sensação de saber que você tem um grande acervo a sua disposição, quem se interessar é só procurar no seu dispositivo móvel ou caso queira usar no PC, procurar no google por Kindle.

Se você se interessou e é escritor ou desenhista, saiba que o serviço é gratuito e assim você pode a qualquer momento publicar algo. Caso se interesse aprenda a publicar Livros, Contos, HQ's e Mangás sem custo algum.

DICA: Clique aqui para ganhar 10 reais em créditos pra gastar na loja Kindle!

Um comentário:

Danil BR disse...

Eu também tinha grande preconceito com livros digitais e só lia quadrinhos na tela, mas quando descobri o Kindle e a Amazon acabei gostando. De vez em quando leio um, não é tão bom quanto o livro físico, mas não é tão ruim quanto eu pensava.