Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Hatoful Boyfriend - Aqui os humanos namoram pombos!

Eu sei muito bem que vocês já devem ter visto algumas coisas orientais e achado um tanto bizarros, tem certos elementos que são simplesmente muito bizarros, mas normalmente esse tipo de coisa costuma parecer distante e um tanto intocável pelo público ocidental, no entanto com Hatoful Boyfriend você finalmente poderá sentir na pele o gostinho dos estranhos gostos orientais, e poderá namorar um pombo!

A história se passa em um notável colégio, chamado "St. PigeoNation’s Institute" que é especializado em alunos pombos, mas você ganhou o privilégio de poder ser o único ser humano a participar da instituição e poder conhecer vários pombos. No entanto nem só de estudos é a vida, e assim enquanto faz amizades, várias paqueras começam a surgir, quem sabe você não possa conhecer o amor da sua vida, e ter muitos beijos quentes com o pombo dos seus sonhos?

É! Eu preciso dizer mais alguma coisa? Acho que já deu pra sacar a bizarrice da coisa, não é mesmo? Hahahaha, esse é aquele tipo de jogo insano que inicialmente o que mais atrai é exatamente o quanto a proposta é diferente e como a tosqueira da coisa acaba fazendo com que naturalmente se dê belas gargalhadas.

Mas uma coisa que é preciso se destacar logo de imediato, é que a jogabilidade é a de um Visual Novel, ou seja, é um jogo de romance e encontros, e que é necessário saber inglês ou japonês para ser jogado, sendo assim existem duas limitações, a primeira é a que é preciso ser um jogador que goste desse gênero, e a segunda é que é obrigatório dominar um dos dois idiomas disponíveis para realmente se aproveitar o que ele tem a oferecer.

Para quem não conhece visual novels, são basicamente aqueles jogos onde as coisas acontecem como um tipo de simulador de livro com imagens. Você vai lendo o que os personagens vão dizendo, e em alguns momentos pode escolher o que quer responder, ou o que quer fazer depois. Dessa maneira a história vai andando e se modificando dependendo das suas escolhas.

O jogo pode ser muito divertido e gerar belas gargalhadas, no entanto é um visual novel com suas limitações, existe muita conversa antes de cada uma das respostas, e os mais desesperados em fazerem escolhas podem ficar um pouco ansiosos com isso. Existe uma certa sensação de estar um pouco preso, embora a história não seja linear.

Graficamente o jogo usa o padrão de planos de fundo desenhados, e enquanto uma cena se passa em determinado lugar, esse plano se mantém, daí dependendo do personagem que estiver falando ou fazendo alguma ação, ele vai aparecer na tela. Os humanos que aparecem são desenhados, e os pombos são fotos reais de pássaros, recortados de uma forma não tão suave, dando um certo contraste e um toque trash na coisa.

Enfim, esse é um jogo com uma proposta interessante, é engraçado e pode divertir um bocado, por outro lado é um jogo limitado a um determinado público, sendo assim bastante restrito a aqueles que poderão usufruir por completo da experiência. Quem se interessar pode dar uma conferida no site oficial do jogo.

Um comentário:

Ruan Carvalho disse...

Nikolas Tesla iria adorar!