Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Entretenimentos que foram massacrados pela internet

Sabem, eu sempre tive problemas com a leitura e por mais estranho que seja, nunca gostei de ler nem um pouco, tenho um probleminha em absorver informações e por isso sempre tenho que ler diversas vezes a mesma linha pra conseguir entender, eu me perco nas informações facilmente e sempre acabo começando a pensar em outra coisa nada a ver, e quando menos imagino, estou relendo sem parar o mesmo lugar e ao invés de processar aquela informação, simplesmente estou pensando em uma outra coisa.

Naturalmente ler em um computador sempre me foi mais desagradável ainda, toda essa luz, e a posição sentado sempre foi um saco. Já vi reclamações de outras pessoas sobre isso também, e por isso sempre soube que ler livro físico era preferência da maioria, no entanto com os anos passando, parece que essa preferência também caiu na teia da gigantesca aranha chamada internet.


Eu estava conversando com um amigo meu sobre o lançamento de um livro, e ele disse que compraria para ajudar um amigo, mas imediatamente iria procurar por uma versão digital, pois não suportava ler livros físicos, e claro que isso foi uma baita de uma surpresa, afinal de contas nunca tinha visto algo desse tipo. E o negócio é que ele prefere ler em tablets por serem menores e assim ficar mais confortável para se ler. E o engraçado é que parece que todas as informações sobre livros digitais parecem ter combinado de vir na mesma época, pois recebi informações bem interessantes sobre esse mercado, eu já vi que lá fora vendiam muitos ebooks, mas foi então que descobri que aqui no Brasil também tem isso e até mesmo sites especializados na venda, facilitando demais assim para escritores iniciantes sem grana para pagar uma editora.

Isso me fez pensar no quanto muitas maneiras originais de entretenimento simplesmente foram massacradas e em como o mundo simplesmente não tem nenhum negócio fixo, qualquer um de repente pode desabar graças a uma novidade e aqueles que ali trabalhavam simplesmente irão se dar mal e acabou... Acredito que o primeiro mercado a começar a sentir isso foi a música, afinal de contas mesmo na época da conexão discada, eram pequenas o suficiente para serem baixadas, sendo assim de repente algo que estava limitado a venda em CD's ou a se ouvir no rádio, de repente estava ali disponível para todos, e a pirataria rolou solta, é claro, com o tempo surgiram os sites para distribuição de música digitalmente, e muitos artistas surgiram assim, colocando suas músicas para serem vendidas a internet sem burocracia alguma.

Os filmes foram outros alvos, lembro que quando eu eu era criança, sonhava em ter uma locadora, pois parecia algo espetacular demais, você apenas "emprestava" algo pras pessoas e elas pagavam por isso, e os filmes seriam seus pra sempre, o máximo que poderia acontecer era quebrarem de velhos, pois até mesmo se alguém que alugasse quebrasse a fita, teria que pagar por ela, no fim você sempre saía ganhando com esse negócio. Daí surgiram os filmes na internet e foram massacrando as locadoras, hoje nós vemos vendas de filmes digitais pra todo lado. Programas de TV em geral foram no mesmo rumo, lembram como a TV a cabo era desejada antigamente? Hoje em dia ainda se vê gente que quer ter, mas em geral as pessoas que usam PC não tem grande preocupação, pois costumam assistir nele mesmo as coisas que querem.

Com os jogos eu fico impressionado, por mais que seja maravilhoso ter mídias físicas, o que eu pensava ser impossível, aconteceu, e hoje em dia as pessoas compram mesmo produtos puramente digitais e é super normal, a pirataria desse ramo sempre foi poderosa, e desabou drasticamente, quantas pessoas não passaram a se orgulhar de ter uma conta repleta de jogos em um sistema digital? É muito comum ver as pessoas falando de promoções da steam ou algo do tipo, e ninguém reclama de não ter caixinha, nem nada, até mesmo para jogos que não dão vantagem alguma sobre a versão pirata, como jogos pra um jogador e sem nada, as pessoas compram de qualquer maneira.

Revistas então, era algo simplesmente maravilhoso, e sei que muita gente aqui sente saudades de suas revistas favoritas, eu por exemplo sinto uma falta imensa da Dragão Brasil, mas simplesmente esse tipo de distribuição não se adequa mais para tempos modernos, as pessoas não querem esperar um mês para ter uma notícia, enquanto podem ver as notícias imediatamente e com atualizações constantes, por isso essas só foram ficando mais e mais caras, e hoje em dia vemos constantemente elas desaparecerem, ou novas serem lançadas por preços bem carinhos. Aparelhos como o Amazon Kindle se tornaram muito mais atraentes que material impresso.

Esses são só alguns exemplos, mas existem ainda muitas coisas que foram engolidas pela internet, e acredito que ainda vão ter outras que aos poucos irão começar a entrar em extinção, mas o mundo é assim, tem coisas que hoje estão bem presentes, e com a tecnologia o resto é acabar ou se adaptar, e vocês, conseguem citar outra coisa que antes era comum e hoje desaparece por causa de opções modernas mais acessíveis?

4 comentários:

Games Leckard disse...

Te entendo mano, tambem sou orfão da Dragão Brasil. Nos resta reverificar vez ou outra nossa antiga coleção rss Abraço!

Mast disse...

Engraçado esse seu problema com a leitura... Como gosto de livros e vivo lendo, pra mim é bem fácil entender os textos.

Enquanto vou lendo as imagens vão se passando na minha cabeça, e as palavras se transformam em cenas. Só quando alguma outra coisa me chama atenção que eu percebo que fiquei um BOM tempo lendo.

Danil BR disse...

Tenho a mesma opinião que o Nelson: https://www.youtube.com/watch?v=zd9_4r10k9U&list=PLKK1s50mQAr-D718YzmmdvTTAi6VZNVjs&index=61

Super Suporte disse...

Um entretenimento que foi massacrado pela tecnologia foi sair com os amigos, normalmente acaba com vc olhando o celular para ver se tem algo bom =/