Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

sábado, 21 de junho de 2014

Crimsonland - Um jogo muito violento e empolgante!

A primeira vez que joguei Crimsonland foi há muitos anos atrás, e realmente foi uma experiência fantástica, um jogo que acabou marcando, mesmo com toda a sua simplicidade gráfica, a jogabilidade gerou momentos tão divertidos e intensos, que se tornou inesquecível. E isso ficou ainda mais intenso pelo fato de que joguei no modo cooperativo com um amigo meu e tenho certeza que ele se lembra bem daqueles momentos. Apesar de tudo foi um jogo que acabei não voltando a jogar, isso até o seu lançamento no steam, quando novamente subiu aquela vontade enorme de experimentar aquilo novamente, e para a minha felicidade, ao voltar a experimentar essa beleza, eu gostei tanto quanto na primeira vez, ou seja esse não é como aqueles jogos que você joga e anos depois percebe que o mesmo acabou envelhecendo.

O jogo não tem um grande foco na trama, portanto nesse quesito as coisas são colocadas de uma forma bastante básica, com você controlando um sobrevivente que está no limite, com uma enorme quantidade de mutantes atacando por todos os lados, variando de lagartos a aranhas gigantes. Você ficou empolgado com Tropas Estelares? Então certamente vai amar isso!


A jogabilidade sim é a grande estrela do jogo, e te coloca para aguentar ataques e mais ataques, com uma quantidade gigantesca de inimigos vindo de todos os lados. Existe uma boa variação de armas que podem cair dos inimigos, assim como power ups que causam efeitos variados. Isso faz com que seja realmente muito divertido atirar nos inimigos e ir atrás de acessórios melhores que eles podem acabar deixando cair.

Existem várias coisas destraváveis no jogo, e a medida em que você vai atravessando pelas dezenas de níveis, novas coisas vão sendo liberadas, como modos novos de jogo, novas armas, e novos power ups, é sempre muito gostoso terminar uma fase e aparecer na tela o que você destravou e a partir de então vai começar a aparecer durante a jogatina.

Apesar de dessa vez eu não ter jogado o modo cooperativo, ele é realmente fantástico, na primeira vez que joguei com meu amigo, foi no mesmo teclado e era realmente tranquilo de fazer isso, mas vi que o jogo pode ser jogado com até quatro jogadores. É muito fantástico você estar no meio do tiroteio, ver um item caído e tentar chegar primeiro, ou até mesmo ver o seu amigo liberar certas coisas, como por exemplo um dos itens que solta uma onda que congela todos os inimigos da tela por um tempo.

Os gráficos são bem simples, com visão aérea, mas há uma série de pequenos detalhes, especialmente os sangrentos, o chão vai sendo manchado de vermelho enquanto você está no tiroteio, e há outras coisas mais sutis, como por exemplo os passos dos personagens, que pode até passar despercebido, mas não deixa de ser um detalhe legal que foi adicionado.

Enfim, ta aí um jogo muito viciante, muito gostoso para se jogar com os amigos e que definitivamente recomendo. Vale a pena dar uma conferida no site da G2A, pois lá eles costumam vender keys da steam por um valor bem mais barato que na própria steam e ainda aceitam boleto bancário. Dê uma conferida aqui.

3 comentários:

Unknown disse...

Sky, parceiro, dá uma estudada sobre construção de texto e escrita cara.
Acompanho o blog a bastante tempo, mas por causa do teu empenho em abordar coisas recentes, pois a qualidade dos textos é muito baixa, e não progrediu quase nada em toda a existência do blog. Os títulos dos posts são terríveis. É como se você subestimasse completamente a capacidade de raciocínio de seus leitores. Você quer mesmo que teus títulos pareçam títulos de matérias de jornais sensacionalistas de quinta que a gente compra em paradas de ônibus por menos de um real?
Você realmente para pra ler as coisas que você escreve?
Você já percebeu o quão óbvia é a linha de raciocínio que você usa tanto nos teus títulos?
Já percebeu que de vez em sempre teus textos parecem saídos de uma conversa de msn entre pré-adolescentes?
O objetivo não era vir aqui e meter o pau cara, mas tá foda.
Não quero te criticar a troco de nada só pra te esculachar, mas várias vezes dá vontade de regular quantas vezes eu confiro as novidades do teu blog só pra diminuir o número de acessos que eu te forneço.
Eu não devo ser o único cara. Dá uma estudada sobre construção de textos, tenta decifrar os padrões usados em reviews de outros sites.
Tenta evitar as tuas hipérboles com emoticons.
É evidente o teu empenho nesse blog, mas a falta de capricho nesse aspecto torna duvidoso que haja uma gota sequer de profissionalismo.
Você provavelmente vai ficar muito pouco em ler isso, mas tenta digerir isso devagar e levar como uma crítica construtiva.

Unknown disse...

"...Você provavelmente vai ficar muito *puto* em ler isso..."

Skywalkerpg disse...

Na verdade eu não procuro deixar esse blog profissional... Pra falar a verdade as análises são mesmo pra parecer sair de uma conversa de msn, isso porque em geral eu só escrevo o que acho e tal, mas eu não me esforço e nem pretendo me esforçar para que o blog se torne profissional, até mesmo no visual ele é esculachado, e eu poderia colocar um daqueles layouts futuristas que todo mundo tem, mas eu me sinto confortável assim, quanto aos títulos eu não sou criativo, então eu só coloco algo que defina um pouco do que se trata e assim se a pessoa ver em algum dos quadradinhos do final da matéria poder ter um resumo rápido. Mas em geral realmente se você está procurando um blog com análises profissionais de jogos, eu recomendo que procure um especializado, como o baixaki jogos, ou o uol jogos, porque as minhas são mesmo como linhas de pensamentos, eu jamais vou tirar os emoticons como "Ò_Ò" e " è_é " do blog, isso é praticamente um símbolo dos textos colocados aqui e refletem bem como o blog é e existem desde o início dele. Sei muito bem que isso não agrada muitos, mas esse blog é esculhambado... E há coisas que realmente eu vou mudando com o tempo, mas esse "caminho" com certeza não é pro lado profissional. E não, eu não leio "Mesmo" os meus textos, eu apenas escrevo quanto ao que sinto e envio, como falei, o blog é mesmo para ser como uma conversa de msn, eu me sinto confortável escrevendo assim. Tem muitos blogs bons com análises profissionais mesmo, mas ao menos nesse blog aqui o toque sempre vai ser um tanto amador, isso porque o nerd maldito é como um "querido diário", onde coloco coisas que experimentei, por isso que há áreas do blog como a de contos sem sentido que tanta gente se irrita.