Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 20 de abril de 2014

Invectum - Um curta metragem que pode te perturbar!

Esse é um daqueles curta metragens que conseguem impressionar com uma revelação feita no final e ao mesmo tempo geram aquela enorme sensação de "Caramba, e agora? O que foi isso? Quero saber mais!". Aquela curiosidade intensa que faz muitos curtas se tornarem tão especial, mas que para os mais curiosos pode gerar também uma baita de uma frustração por saber que simplesmente não existe uma resposta e que é limitado à imaginação da pessoa.

Ele é um curta metragem de menos de três minutos e que apresenta um homem chamado Jean, que acorda em uma banheira em uma garagem. Há uma corda amarrada em seu pulso, e uma bandeja com equipamento cirúrgico, o que já acaba por dar uma bela ideia do que foi que aconteceu ali. E em desespero ele tenta fugir.

O filme é completamente sombrio, não tem falas e nem precisa disso, já que ele transmite muito bem o que está acontecendo e como uma pessoa normalmente agiria em uma situação assim. Mas o horror não é a parte da banheira, e sim o que vem depois. Com certeza um curta capaz de deixar muita gente perturbada, por isso já fica avisado, não tem susto, mas sim uma ideia bizarra, confira:
Bom, se você não tiver ideia do que diabos possa ter acontecido e gostar dessa sensação do mistério, e do desconhecido, então é melhor parar de ler por aqui, pois acho que o filme cumpriu o que queria, que é deixar essa sensação sobre o desconhecido. Mas se você teve uma ideia do que diabos se trata essa bagaceira aí, ou está curioso para saber alguma teoria, então pode continuar lendo.

Bom, esse curta metragem foi indicado para um evento chamado H.P Lovecraft Film Festival 2014, que reúne diversos curtas baseados na obra de Lovecraft. E para quem conhece os Mitos de Cthulhu, sabe que rola altos tentáculos no panteão de criaturas que esse autor criou, o que acaba por se tornar inevitável começar a ligação a partir daí.

Então a minha teoria é de que um grupo de cultistas aos grande antigos achou uma nova forma de cultuar aos seus deuses. No caso a história acaba não se tratando de um "Boa noite Cinderela", mas sim de uma forma de ritual, que pode ser um tipo de invocação no corpo do homem, ou uma tentativa de plantar uma criatura nele para algum motivo misterioso. Quem conhece a obra de Lovecraft sabe que algo que o autor amava fazer era apresentar o desconhecido. Segundo ele, a humanidade é inútil em comparação à grandiosidade do universo e nossos egos de nada servem, já que há coisas muito maiores lá fora. Por isso o que parece ser uma experiência médica para gerar um tipo de abominação bem ao estilo "A centopeia humana" tudo em nome da ciência, pode ser na verdade um ato religioso e uma criatura "sobrenatural" nas costas do cara. E vocês, o que acham?

Um comentário:

Bruno Arce disse...

Isso podia ser uma otima introdução para um filme do Cthulhu.Um filme sobre o cara tentando impedir que o monstro nasça nele enquanto ele é atormentado pelo proprio