The White Queen - Mais uma série medieval

Sabem, a verdade é que quando fiquei sabendo da existência dessa série não me atraiu muito não, porém depois da grande decepção que tive ao continuar assistindo Da Vinci's Demons e descobrir que o foco da série era mostrar o quanto o Da Vinci era o gatinho, o pegador, o inteligente, o lutador, e as doooooooooores de ser tão superior, eu resolvi dar uma chance a essa outra série de época.Felizmente essa sim é séria pra caramba e apesar de na minha opinião não ser tão agradável quanto The Borgias foi, mas cobriu um pouco do vazio que senti por essa ter sido cancelada.

Mas bom, chega de papo e vamos ao que interessa. The White Queen é baseado em acontecimentos que realmente rolaram, no período da Guerra das Rosas e apresenta o escândalo do casamento de um rei com uma plebeia.

Essa é uma daquelas séries que a trama é cheia de conspiração e jogos políticos para guiar o destino do reino. Naturalmente esse tipo de cenário acaba envolvendo guerras, porém o foco não é colocado nas batalhas e sim na corte, sendo assim apesar de mostrar certas cenas dos cavaleiros em ação, o centro são as estratégias e isso pode fazer muita gente não gostar, eu mesmo durante a minha adolescência não ia curtir nem um pouco essa série e acharia um saco, o que não é o caso hoje em dia.

Diferente da maioria das histórias do tipo, essa tem como foco as mulheres, por isso as personagens femininas tem grande ênfase apresentando o que elas pensam e suas atitudes em cima dos acontecimentos. Naturalmente elas são estilosas pra caramba, é visível o quanto as personagens são ambiciosas e fazem os seus próprios planos de manipulação dos acontecimentos, eu dou um destaque especial para a mãe da personagem Elizabeth, que se mostra uma senhora extremamente estratégica e racional. A história envolve também bruxaria, colocando personagens recorrendo a artes ocultas para conseguir atingir seus objetivos.

A fotografia é espetacular e diferente do normal, existem aquelas histórias medievais que adotam um cenário padrão, existem aquelas que adotam um cenário bem pesado e meio triste que são as que gosto, mas essa tem um estilo diferente, tudo é um tanto bonito, roupas luxuosas, cores bastante claras, embora seja exatamente o oposto do tipo de fotografia que mais curto o fato de ser diferente do que normalmente vemos já tornou um tanto especial.

Enfim, é uma série muito parada que eu não recomendo para muitas pessoas, eu gostei mas não vou iludir o povo dizendo que é a maior maravilha e que todos gostarão porque não seria verdade. Essa série é bem quieta e para momentos de calma mesmo, quem procura agitação deve passar bem longe.

Comentários