Serious Sam: Siberian Mayhem | Coop pra quem ama explosões fora de controle

Acredito que todo mundo foi pego de surpresa por esse jogo, mas especialmente para os fãs da franquia, já que Serious Sam 4 levou quase uma década para sair após o seu antecessor da saga principal. No entanto, menos de um ano e meio depois, a Devolver chegou dando uma dica e dias depois anunciou e lançou no mesmo mês.

A história dessa vez se passa na Rússia! Sam é enviado para mais uma missão insana em um ambiente gelado. Precisa investigar detalhes sobre o que aconteceu por ali enquanto persegue um impiedoso general ao mesmo tempo que precisa encarar hordas de invasores alienígenas híbridos com máquinas. O coração da Sibéria é gelado e com muitos desafios.
A explicação para um lançamento tão rápido é também o motivo desse jogo se parecer com Serious Sam 4. O motivo é que ele realmente é uma expansão do próprio, no entanto ao invés de lançarem como uma exigência de se ter o jogo base, o colocaram como expansão standalone, ou seja... Aquelas expansões que você pode comprar sem precisar ter o jogo base.

Claro que por isso a gameplay acaba sendo a mesma, porém com seus adicionais. Mas não que isso acabe sendo uma surpresa tão grande né? Afinal de contas mesmo jogos arcaicos da franquia como é o caso de Serious Sam Classics: Revolution, já tínhamos uma jogabilidade padrão que provavelmente é exatamente o que os fãs querem, já que sempre conseguem notas altíssimas.
Ou seja, aqui temos o típico clichezão de filme de ação americano, porém concentrado de uma forma extrema. Centenas de diabos vindos de todos os lados, com um mistureba absurdo que vai desde criaturas completamente exóticas até robôs gigantes, seres com super poderes e drones. Isso sem contar com o detalhe híbrido de carne e metal.

O seu objetivo é simplesmente matar absolutamente tudo que se mexer na tela, se movendo com uma velocidade super rápida enquanto atira pra todo lado. E aos poucos vai achando novas armas e acessórios que dão certas vantagens, indo desde itens para equipar em uma arma e a deixar mais poderosa, até artefatos capaz de causar efeitos como câmera lenta.
Existe uma árvore de habilidades não muito extensa que você pode comprar com pontos que acha em alguns locais. Essas vantagens são coisas como ter a chance de um inimigo deixar itens cair no chão quando você mata, até a habilidade de usar uma arma em cada mão, começando com armas pequenas e indo aumentando a cada ponto.

Obviamente tem um baita de um toque ridículo no jogo, e os comentários de Sam são os mais esculhambados possíveis, com sua voz forçadamente grossa. Aliás, todo mundo tem voz grossa nessa tranqueira, então o que você mais vai ouvir serão gemidos de homenzarrão morrendo pra todo lado enquanto o tiroteio tá acontecendo.
Outro detalhe bacana é que o jogo brinca com a Gameplay, e se por um lado as fases no geral são muito parecidas com uma penca de monstros que estão ali só pra morrer, aos poucos vão adicionando elementos únicos em algumas partes, sejam arremessadores que te jogam a distâncias absurdas e fazem você ficar voando pelo cenário, sejam robôs gigantes que te colocam pra sair destruindo hordas inteiras de forma fácil.

A trilha sonora acaba sendo um destaque bem interessante também, especialmente para aqueles que realmente querem muito apenas passar o tempo explodindo coisas. Isso porque se encaixam muito bem e vão desde um rock radical com solos de guitarra, até músicas épicas com uma orquestra acompanhando a matança.
Graficamente o jogo é ok e leve, apesar de ter muitos problemas em relação a texturas. Demorou séculos pra terminar de carregar aqui, mas no meu amigo a coisa foi muito rápida, sendo assim não sei dizer. Mas ambos enfrentamos o problema de texturas carregando enquanto jogávamos. Mas pra algo com tantos diabos, rodou bem, apesar de eu não conseguir jogar em live porque puxava tudo.
Enfim, esse é um jogo que realmente acho que a graça está no modo cooperativo. Se forem jogar, recomendo demais chamarem amigos, especialmente se conseguir fechar o grupo com quatro pessoas, pois certamente é capaz de trazer boas gargalhadas com os comentários ridículos e os exageros. Recomendo sempre dar uma olhadinha no preço dele na Greenman Gaming antes de comprar na loja direta, algumas vezes os preços deles estão bem abaixo do normal, e sempre lembre de olhar os cupons de desconto que eles espalham pelo site, que deixa a coisa mais barata ainda, dê uma conferida aqui.

Postar um comentário

0 Comentários