Vice presidente da PSN foi pego em vídeo relacionado a pedofilia

Enquanto grandes empresas enfrentam problemas de polêmicas internas como o escandaloso banimento da Blizzard na TGA, às vezes os escândalos estão relacionados à vida pessoal de seus funcionários e isso ocorre também com aqueles dos mais alto escalão. Naturalmente quanto mais alto, mais fácil da empresa querer dar o fim o mais rápido possível para evitar o ódio do público se as provas forem óbvias. E claro que afetaria as vendas da marca Playstation se o vice-presidente tivesse ligado a pedofilia. Mas pioraria ainda mais se tivesse um vídeo, e foi exatamente o que aconteceu com George Cacioppo.
 
O canal do youtube "People v. Preds" é especializado em fazer algo no mínimo extremamente perigoso... Caçar pedófilos. Eles se passam por um garoto que acabou de fazer 15 anos e vão conversar com pessoas em aplicativos. E deixam o papo rolar, até finalmente marcar um encontro e realmente ir até o lugar. Mas ao chegar, filmam a pessoa, conversam com ela e chamam a polícia.
 
E no começo de dezembro de 2021 às 4 da madrugada, o canal acabou conversando com um homem de 64 anos que logo perguntou se ele tinha mesmo 15 anos, mandou várias fotos íntimas. E assim o papo foi rolando até que resolveram marcar. Logo o cara mandou uma foto que facilmente podia ser achada na internet, sendo ninguém menos do que o vice presidente da Playstation Network.

O canal pediu então uma foto ao vivo, já que obviamente era muito improvável que algo assim acontecesse e o cara mandou uma foto na hora, que inclusive estava com uma camiseta do PS5. Ao perguntar algo sobre ele, o homem diz que não sabe. E então o canal pediu "Posso encontrar você do lado de fora da sua casa primeiro, pra eu me sentir mais seguro?" e o homem diz que sim. E assim o dono do canal se aproxima no escuro, o resultado foi esse:


É claro que foi um verdadeiro escândalo para a SONY, que só não gerou um final de semana mais tenso porque o canal não era muito grande.  Mas o circo pegou fogo dentro da empresa japonesa, pois antes da semana seguinte entrar, o cara já estava demitido e aí sim o caso acabou se espalhando e passando a ser bastante falado.

Normalmente uma acusação seria investigada e é bem comum as empresas enrolarem com essas coisas, especialmente se é alguém extremamente importante. Mas com a cara dele sendo mostrada diretamente em um vídeo assim, uma das maiores empresas de video games do mundo não podia simplesmente esperar.

Postar um comentário

0 Comentários