Nuclear Blaze | Um mundo em chamas do criador de Dead Cells

Esse é um jogo que me surpreendi um pouco de não ter sido tão falado, já que é nada menos do que mais uma obra de Sébastien Bénard, que é ninguém menos do que o criador do badalado Dead Cells. Uma daquelas obras pixelizadas super bonitinhas, com jogabilidade agradável que te faz querer ter um controle pra PC pra aproveitar.

Apesar da fofura, o jogo tem uma história um tanto misteriosa. Você assume o papel de um bombeiro que está tentando controlar as chamas em uma área florestal onde o incêndio está fora de controle. Mas acaba indo parar em uma instalação militar misteriosa, cheia de documentos bizarros informando sobre a presença de uma coisa.
Acredito que esse seja um daqueles casos em que a expectativa acaba assassinando a diversão. Isso porque depois de fazer uma obra tão amada, acabou sendo natural a cobrança das pessoas para algo ainda melhor. E assim, mesmo que seja uma obra fantástica, as exigências das pessoas acaba sendo maior. Porém também acho que o jogo foi anunciado e lançado muito repentinamente.

O que temos aqui é algo diferente do roguelike que vimos na outra obra do autor. Ao invés disso o foco é mais nos puzzles. No desafio de passar por certas áreas usando uma mangueira e tentando controlar o fogo que consome todo o lugar. Para isso é preciso analisar os locais por onde passa, tentando evitar morrer queimado e usar habilidades de água.
O fogo se alastra pelo chão, paredes e tetos. Você precisa ficar de olho neles porque não pode não basta apagar uma vez, mas ficar de olho nos locais que ainda estão em chamas, já que depois de um tempo, o fogo começa a se expandir e inclusive voltar para locais onde já foram apagados antes e a única forma de passar para a próxima área é apagando todas as fontes.

A princípio pode parecer fácil, porém a velocidade em que as chamas correm somadas ao tamanho das áreas que precisam ser cobertas acabam sendo um verdadeiro problema, pois tem vezes que você simplesmente não consegue acompanhar. E assim precisa bolar uma estratégia para conseguir fazer a tempo antes que o fogo se descontrole em um local que você já passou.
Outro desafio é que você tem que saber usar o tipo certo de lançamento de água, já que um jato reto nem sempre cobre as coisas, às vezes você tem que jogar água pra cima, pra ela cair em um local bem embaixo de você e assim permitir que você salte em segurança. Tem certos lugares que de vez em quando fica complicado.

Ainda existem alguns elementos pelo cenário que podem ser usados como apoio. Não são sempre necessários, mas é possível chegar a algumas válvulas onde você ativa água que fica sendo liberando permanentemente água em alguns pontos e assim bloqueando a expansão do fogo para aquele lugar. Também tem chaves que te dão acessos.
Também é preciso ficar ligado em outros problemas, como áreas com eletricidade em que se você jogar água, vai tomar dano e também portas fechadas que ao abrir, irão explodir e é preciso rapidamente usar a mangueira para se proteger da labareda de fogo que vai vir para seu lado. Isso sem contar que algumas vezes seu corpo fica em chamar sem você perceber ou a água da mangueira acaba e você precisa reabastecer, mas está cheio de fogo ao redor.
 
Os gráficos usam aquele estilo pixelizado que tanta gente ama tanto e que com certeza entraria facilmente na lista de jogos em 2D com visual magnífico. E realmente achei bonitinho, no entanto muito parecido com diversos jogos que se tem por aí, portanto atualmente eu mais o classifico como bem feito do algo que se destaca mesmo.
Achei interessante a narrativa com os documentos que estão espalhados pela base. Apesar de ser um jogo fofinho e animado, ele conta com um belo de um toque de mistério que inclusive me lembrou demais o universo de Control, com aquele climinha de anomalia no universo e algo muito misterioso que a envolve.
 

 
Enfim, Nuclear Blaze é um jogo que fiquei sabendo da existência só quando estava prestes a ser lançado. É bacana, mas não deve ser comparado com Dead Cells, apenas visto como um jogo com seu estilo próprio. Recomendo sempre dar uma olhadinha no preço dele na Greenman Gaming antes de comprar na loja direta, algumas vezes os preços deles estão bem abaixo do normal, e sempre lembre de olhar os cupons de desconto que eles espalham pelo site, que deixa a coisa mais barata ainda, dê uma conferida aqui.
 

Postar um comentário

0 Comentários