Castlevania Aria of Sorrow - Dessa vez no futuro! Ò_Ò

Esse é o último jogo da franquia Castlevania lançado para Game Boy Advance, e que cai nas graças de muitos por ter dois elementos inusitados, o primeiro é o fato do protagonista ser um adolescente, e o segundo é o fato de quebrar o padrão de ser algo no passado e apresentar uma aventura no futuro.

No ano de 2035, Soma Cruz é um aluno de intercambio de 17 anos que está morando no Japão. No período em que vai ocorrer um eclipse solar ele decide assistir com sua amiga em um templo, porém as coisas começam a ficar estranhas quando percebe que as escadas para o templo estão muito mais longas do que o normal, mas não tem muito tempo de pensar sobre, pois repentinamente acorda em um castelo misterioso. Logo ele começa encontrar pessoas e o avisam que aquele é o castelo do Drácula, Soma não entende o motivo de estar em um castelo que fica na Europa e não no Japão, mas aos poucos começa a descobrir a sequencia de eventos que fez isso acontecer.

Esse é um dos Castlevanias que já tinha começado a jogar antes e desisti, lembro quando ele foi lançado, foi empolgante e tal, mesmo sem ter zerado o resto dos jogos, o visual do personagem era muito estiloso com o sobretudo branco e a aparência albina(apesar de parecer uma vadia de luxo). Porém também joguei só o começo e abandonei, isso gerou o problema de que quando fui jogar de novo após terminar Harmony of Dissonance, fiquei meio que desanimado pensando "Ah nem... Eu lembro como era o começo do jogo, to na maior preguiça de passar por aquilo de novo =/ ". Porém resolvi jogar e foi maravilhoso! *-*

A primeira coisa a se notar no jogo é que o gráfico está totalmente reformulado, enquanto os outros usam os mesmos visuais dos monstros de jogos anteriores, nesse não, você vê realmente novos visuais. Apesar de eu não ter achado o gráfico tão bonito quanto o do Harmony of Dissonance, ver um visual novo para monstros já conhecidos dá aquele "tempero" agradável ao jogo, me fez pensar "Caramba aquele monstro que sempre vi agora com um design diferente *-*".

A movimentação é sem dúvidas a mais linda(na minha opinião) dos castlevanias, assim que comecei a controlar o Soma Cruz, foi impossível não observar o jeito que o personagem andava, que me fez pensar "Caracas, mexe tudo O_O" coisas como cair, se abaixar e saltar faz você ver cada pequeno movimento, além é claro do sobretudo que sempre acompanha dando aquele toque a mais hehehe.

A história do jogo até que é legalzinha mas como não podia faltar tosqueira né? Colocaram personagens retardados Ò_Ò. Como por exemplo o cara que foi parar dentro do castelo e então como não tinha nada pra fazer decidiu abrir uma loja, e ele as vezes fala coisas como "Sabe porque eu ajudei aquela garota? Porque ela faz meu tipo".

Ou então a mulher que fala "Você encontrou o Alucar... Er... Quer dizer o Arucardo?" algo totalmente desenho animado pra crianças de 6 anos. Mesmo assim eu gostei muito de te bastantes encontros durante o jogo, enquanto nos castlevanias anteriores voce ficava a eternidade andando para finalmente encontrar alguém, nesse você encontra direto personagens e tem um papo com eles, assim você realmente nota que o negócio ta evoluindo. *-*

Dessa vez você não controla um Belmont, mas sim um garoto que não faz idéia do que está fazendo ali, porém apesar de você não poder usar o chicote lendário Vampire Killer que os personagens da família Belmont usam, você pode usar diversas armas que vai achando ou comprando durante o jogo e o mais legal é que você realmente vê o ataque se modificando, ou seja tem armas que são mais lentas, outras que tem um ataque com maior alcance, os efeitos são variados, porém só a arma também que muda, a armadura não altera o visual do personagem. Esse é o segundo castlevania que vi poder usar arma de fogo, o primeiro foi o Castlevania Legacy of Darkness.

Como você não usa as tradicionais armas mágicas da maioria dos castlevanias, você pode usar outro tipo de poder muito interessante. Cada monstro que você mata, há a possibilidade de você arrancar a alma dele e absorver seu poder, com isso você vai fazendo uma verdadeira coleção de almas que são divididas em três classes, sendo assim você não precisa equipar apenas uma magia por vez, mas pode equipar três e fazer combinações variadas. Outra coisa muito interessante é que se você tiver um amigo que também tenha castlevania aria of sorrow, você pode trocar as almas com eles, dessa forma facilitando conseguir a coleção completa! *-*

Há diversos inimigos que são os mesmos já vistos antes, porém há uma coleção de novas criaturas do inferno para tentar te lanchar e algumas delas muito interessantes, por exemplo o zumbi que tenta arrancar uma mandagora do chão, se você não o matar antes que ele consiga, ele a retira e essa começa a dar um alto grito que causa dano pra todo lado, ou então o lugar que você chega e há vários corpos de mumias ou algo assim saindo de trás do cenário e começando a andar, você não consegue atacar nenhuma e elas não te atacam, porém quando você chega a uma grande sala, a tela mostra um chefe que é uma grande bola feita de corpos dessas criaturas e várias chegando e se juntando, é realmente muito interessante!

O jogo é muiiito curto, zerei ele rápido pra caramba e apesar de ser um pouco mais difícil que o Harmony of Dissonance, não o achei um inferno não, a não ser algumas salas que realmente são DUCACETE Ò_Ò. Ele tem uma média geral de apenas oito horas de jogo, mas acho que terminei em bem menos que isso... Talvez eu não tenha visto o tempo passar, mas acho que não foi isso, então não espere algo extremamente gigante.

Pra quem quer um jogo em 2D rápido e com uma enorme variação de golpes e magias, esse é ótimo para passar o tempo e com certeza gerará algumas horas de diversão. Sem sombra de dúvidas um dos mais marcantes da franquia Castlevania.

Twittem aí para seus amigos pessoal =D

Postar um comentário

15 Comentários

  1. Já zerei tbm esse jogo , e curti muito , essa parada de das almas e da variação de poderes é muito bacana .

    ResponderExcluir
  2. Muito bom ele, pena que é tão fácil (não tanto quanto o Harmony)... Se ele tivesse o nível de dificuldade do PoR ou do OoE seria perfeito. Porque o resto o jogo é perfeito mesmo (apesar de ter personagens retardados, como você disse)

    ResponderExcluir
  3. Sky

    CS Novo! E vão traduzir o novo jogo do Batman e do F1!

    ResponderExcluir
  4. Galera hoje não terá conto

    Zoorak

    Bem massa, eu nem sabia hehehe

    ResponderExcluir
  5. Sky tu sabe que tem três finais, e aquele idiota não é o Dracula

    ResponderExcluir
  6. Sky, se vc não ve esse video vo floda o seu email e os comentarios do blog.

    http://www.youtube.com/user/MusicalWolfe#p/c/7571D77FE8FE2137/2/SQ_MP8x4qO0

    Ps: aproveita e ve os outros.

    ResponderExcluir
  7. ok, eu n sou muito chegado no castlevania

    eu esqueci que o capitulo 23 foi o de ontem kkkkkk

    ResponderExcluir
  8. Sky, Você ja viu o filme Stardust, o misterio da estrela ?

    ResponderExcluir
  9. Igor The rise of ninja

    Tenho ele mas da a maior preguiça de ver, parece ser meio tosco kkkkk apesar de ser baseado em uma HQ ta na lista de longa espera uahahaha

    ResponderExcluir
  10. Me fez lembrar a versão mobile do castlevania, engraçado.. parece o mesmo personagem, o mesmo ano , a mesma história...

    ResponderExcluir
  11. Zerei esse bagulho tem mais ou menos uns 20 minutos. Aí, vim correndo ler a matéria que tu tinha postado (É, malandro, eu só fui ler agora, depois de tanto tempo, quando enfim tive saco pra zerar -q).

    Pois é cara, adorei esse jogo :v
    Quando eu peguei a pistolinha, fiquei um tempão brincando e quase me esqueço que tinha que ir descer o cacete no poser de Drácula lá xD

    Anyway, curti a matéria também. E com isso aprendi a não ler antes de ter zerado o jogo, porque não tem o mesmo clima '-'

    Btw, tu já fez os 3 finais? Eu fiz um que tu luta contra o Julius e depois um bicho esquisito preto e branco lá, agora to com preguiça de tentar o outro -w-''

    Enfim, ótima matéria, vlw flw :)

    ResponderExcluir
  12. Uahahaha
    Mano, recomendo fazer! \o/
    Eu acabei de zerar o Julius mode aqui (38 minutos :O) e é fodão jogar com ele, ele é OP! ;-;
    Também, graças á um save do emulador que eu fiz, deu pra fazer os outros dois finais que faltavam.

    Daqui pra baixo, caso tu não queira tomar um spoiler na testa ou ver algo que possa estragar a graça de fazer os outros dois finais, só leia quando fizer '-'


    Anyway, os finais (Tirando esse que eu fiz, que aparentemente é o "bom") podem ser feitos:
    1 - se tu entrar na luta contra o Graham sem ter as almas certas equipadas, aí quando tu matar ele o jogo termina. Esse é o final ruim :v

    2 - Agora o final "Bom e Ruim" é quando tu luta contra o Graham com as almas certas e ganha dele, mas perde a luta contra o bicho preto e branco (Chaos). Não vou contar o que acontece, porque é FODÁSTICAMENTE badass. Mesmo que isso dependa do teu gosto -qq
    -

    Ok, parei de encher o saco, vlwflw *corre*

    ResponderExcluir