Monstro do Pântano - Uma HQ com toque perturbador

Há muitos anos eu conheço a história em quadrinho "Monstro do Pântano", sempre ouvi falar muito bem dela, mas nunca dei muito bola porque afinal o nome é "Monstro do Pântano"! E como eu julgo pelo nome mesmo, eu fiz foi chutar pro lado Ò_Ò. Porém finalmente decidi ler e aqui estou eu, impressionado com o que vi.

História

Alec Holland era um cientista que, junto com sua mulher, estava desenvolvendo, para o governo, uma fórmula que poderia fazer nascer plantas de forma incrivelmente rápida em desertos. Preocupados com a segurança da fórmula, o governo leva o casal para um celeiro, adaptado para laboratório, em um pântano distante, onde outros não poderão tentar comprar fórmula, porém mesmo assim, o acham e tentam comprar, mas ao negar, os homens que ofereceram o dinheiro decidiram colocar uma bomba no lugar, com Alec dentro e ao explodir, seu corpo foi tomado pelas chamas e desesperado, o cientista fugiu para o pântano, onde poderia apagar o fogo com o musgo dali, mas ao pular ali, a fórmula que estava por todo o seu corpo causou uma reação com o musgo e fundiu com a carne do homem, transformando-o em uma criatura com mente humana, mas um corpo abominável.



Sobre a HQ

Sabem, eu não assisto filmes como "A mosca" ou "A centopéia humana", isso porque essas histórias de um ser humano que é transformado em uma coisa, me causam uma sensação horrível. No caso de Monstro do Pântano, eu achei bem perturbadora a história, mas é tão interessante, que eu não consegui parar de ler, ao contrário da maioria desse tipo de história, ele não fica malvado e sai assustando um vilarejo, mas sim entra em desespero, afinal imaginem, de repente você não pode mais viver com humanos, está preso em um corpo bizarro e não tem para onde ir.

Algo bem legal que achei é que o corpo dele novo, não tem os órgãos formados da mesma forma que um humano normal, então apesar de algumas vantagens como uma resistência enorme e força descomunal, ele não pode falar, apenas com uma força de vontade gigantesca, ele solta uma ou duas palavras, portanto na maioria do tempo, aparece os pensamentos dele, e não ele falando, e consequentemente não tem como ele dizer para ninguém que ele é um humano, ele tem que viver com aquilo e as pessoas que o veem, se desesperam e só veem o que ele é por fora, a sua aparência, não tem como ele tentar argumentar.

Essa HQ segue o estilo terror e foi a HQ que fundou o selo Vertigo, ou seja, esse foi o passo inicial para os quadrinhos adultos da DC, então não se assustem se verem outros personagens conhecidos, passando por alguma história da revista não. O monstro do pântano não é a única criatura que existe, logo o Dr Alec Holland começa a adentrar cada vez mais em um mundo sombrio com outras criaturas ou deformações, algumas histórias te fazem pensar "Caracas, não acredito!" como uma em que ele consegue uma forma de voltar ao normal e por um tempo volta, aparece ele pensando nos planos, em como é um alivio, como saiu de um pesadelo.

Mas então chega um momento e ele tem que voltar a forma de monstro e fica aquela tensão toda, porque imaginem o pesadelo que o cara passou e aí ele se livra para depois perder novamente toda a esperança, eu não me surpreendo com alguns avisos que tem em algumas capas como "Você não será o mesmo depois de ler essa revista", é uma revista que faz você se colocar no lugar do personagem e ficar pensando o quanto deve ser terrível aquilo.


Uma outra sequencia que achei genial em uma das edições, foi um encontro entre o Monstro do Pântano e um outro cara que tem a mente confusa, só que o narrador da criatura confusa é em primeira pessoa, enquanto o monstro do pântano aparece com seus pensamentos, e você fica vendo o que cada um está pensando de sua forma confusa e como fica incrível, é como uma conversa muda entre dois loucos, cada um colocando sua própria lógica naquele momento, ou seja genial! Quando eu li, fiquei pensando em quanto tempo o Len Wein demorou pra pensar nisso, porque realmente os pensamentos colocados são muito bem elaborados e te transportam pra aquela linha de pensamento das duas criaturas.

Enfim

Essa é uma HQ adulta que não chega a ser cansativa como várias conseguem, as histórias de terror são tão legais e colocam um climinha tão incrível, que você acaba querendo ler mais e mais e ver o que vai acontecer depois, então eu recomendo com certeza. Você pode encontrar à venda no Brasil aqui.

Twittem aí para seus amigos pessoal =D

Postar um comentário

3 Comentários

  1. sim e muito foda mesmo....mas a melhor fase e quando o mestre alan moore começou a escrever as historias pois começou do 0 ficando como a saga do monstro do pantano...puts ficou mais aterrorizante e mudou todo o conceito ate que o monstro não e alac holland.... ainda e foi na edição 37[dos estados unidos]que uns dos melhores personagens que o alan fez apareceu e gostaran tanto que acabou fazendo uma serie so pra ele[ainda bem] que e jonh constantine....e sempre apareceu nas batman,uns viloes quer dizer o mundo dc....a narrativa do alan e muito foda....

    ResponderExcluir
  2. @Skywalker
    Cara tava querendo comprar o encardenado do sandman mas tem um monte qual é o primeiro?
    Oque é a versão definitiva.

    ResponderExcluir
  3. Querem entrar ainda mais no incrível mundo de Alan Moore? Leiam a séria "Lost Girls - Meninas Crescidas". O tema é sobre algumas garotas de contos infantís bem conhecidas vivendo situações inusitadas e eróticas. Para o amigo GrayWolf, segue resposta: o primeiro encadernado do Sandman á "Prelúdios e Noturnos", simplesmente um grande e fantástico épico do "Sonhar". O segundo é "A Casa de Bonecas", tão espetacular quanto o primeiro.

    ResponderExcluir