A Alexa que gemeu sem parar enquanto a dona viajava

Com a evolução da internet das coisas, e a quantidade cada vez maior de objetos inteligentes, o que parecia absurdo para alguns em Watch_Dogs, começou a se tornar cada vez mais claro para o mundo que aquilo não era exagero. E assim os assistentes virtuais como o Google Home passaram a permitir um novo nível de cyber-ataques, os ataques a casas! E um exemplo curioso que rolou no Brasil foi o constrangedor caso da Alexa que gemeu sexualmente pra vizinhança toda ouvir.

Tudo começou quando uma cliente brasileira da Amazon ganhou de presente um aparelho Echo Dot, que pra quem não sabe, é aquele redondinho de onde a Alexa é tão conhecida. Até aí nada demais, só alegria, afinal de contas receber presente é sempre bom, né? O problema é que esse é o tipo de item que normalmente você não tira da tomada, ele gasta uma quantidade extremamente baixa de energia e é normal alguém viajar e deixar lá. E assim ela fez...

A surpresa da moça foi quando começou a receber mensagens dos vizinhos, pedindo pra ela calar a boca, que o barulho tava demais. E o pior... Não era somente um barulho ensurdecedor que estava vindo da casa dela, era um gemido ensurdecedor! Gemidos sexuais por mais de 24 horas! Naturalmente isso gerou um baita constrangimento, especialmente porque todos os vizinhos estavam falando, e alguns dizendo que era real.

Ela levou o caso à justiça, mas a Amazon disse que como ela recebeu o produto antes de ser comercializado no Brasil, não se responsabilizava pelo o que estivesse acontecendo. Além disso, declarou também que não tem acesso a coisas assim, portanto não podia revelar a identidade da pessoa que fez.

Ainda assim a justiça brasileira pegou pesado com a empresa e declarou que a Amazon tinha que dar um jeito, tendo 30 dias e pena diária de 500 reais se descumprisse. Além disso o advogado dela esclareceu que não culpava a empresa: "A consumidora não quer responsabilizar a empresa pelo ocorrido. Só quer saber quem foi o responsável pela medida".

E essa foi mais uma cyber-treta envolvendo casas inteligentes. Não é o único caso bizarro relacionado à Alexa, ela já foi testemunha de um assassinato, e tem várias tretas envolvendo áudios detectados pelo Amazon Dot Echo. Também é o tipo de coisa responsável por uma paranoia em massa relacionada a vigilância.

Comentários