Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Você sabe como português soa nos ouvidos de gringos?

Como todo mundo sabe, português parece com espanhol, isso se deve à origem latina, porém também vai além. Por exemplo, você vai ler um texto em outras línguas latinas como francês e italiano, e é fácil não entender nada, porém em espanhol, mesmo não sabendo, é bem mais fácil de pegar mais ou menos do que se trata. Então imaginem a minha surpresa ao descobrir que nossa língua não soa como espanhol para os gringos?


Atualmente eu tenho jogado demais o jogo do Sexta-Feira 13, e nunca imaginei que seria uma experiência de aprendizado tão forte. Quero dizer, já joguei outros jogos com gringos, mas no geral foi algo bem "ok...", com o povo não muito comunicativo. Nesse jogo por outro lado me impressionei com a facilidade em achar pessoas realmente legais.

Como não há servidores dedicados à América Latina, as partidas acabaram sendo com um monte de gringos. Eu tinha certeza que iam pensar que eu era mexicano ou algo assim, afinal de contas as línguas são parecidas né? Até que chegou uma hora que perguntaram de onde eu era e pedi para adivinhar.

A surpresa foi ao ver que só falavam locais bem nada a ver, diziam que parecia ser de algum lugar como a Rússia, Ucrânia ou algo assim. Outra língua que chutaram foi árabe, que por acaso eu até então nunca tinha parado pra prestar atenção em alguém falando inglês com sotaque árabe. Mas no fim das contas ninguém adivinhava.

Em uma partida mais pra frente conheci um garoto com o sotaque que identifiquei parecido com o meu, e me perguntei se ele não era brasileiro também, quando perguntei sobre o país que ele morava e ele respondeu que Kuwait, um país onde se fala árabe.

Outra coisa é que isso me fez lembrar que há um tempo atrás fui assistir um vídeo de Portugal e nos comentários tinha um gringo falando "Eita, isso parece russo!" e um português respondendo "Não, isso não se parece em nada com russo!". Mas parei pra ouvir a pronuncia forte e realmente consegui notar algumas puxadas bem fortes em certas partes da pronúncia que também já ouvi em russo.


Ao dar uma pesquisada, vi que é comum achar comparações entre português e russo. Foi então que percebi o quanto realmente não teria como os gringos acharem português parecido com espanhol, afinal de contas o que conta não são as palavras já que eles não as conhecem, o que torna algo parecido é a pronuncia.

No caso de espanhol eles tem problemas com coisas que nós não temos, em especial as letras J, Z e V. O negócio é que J tem som de RR, o Z tem som de SS (Até com palavras com S que tem som de Z como Casa) e o V tem som de B, portanto Vaca se escreve da mesma forma, mas se pronuncia Baca.

Quem já tentou aprender outra língua que tem sons que nossa língua nativa não tem, sabe o quanto é difícil se manter firme. O mais normal é deslizar e falar a coisa de uma forma não muito bem pronunciada. Em algumas línguas o negócio parece bem desafiador e acabam notando automaticamente que você é gringo.

Então imagina para uma pessoa que tem espanhol como língua nativa o inferninho que não é se concentrar para manter perfeito com essas três letras que quase sempre vão aparecer em frases? Eu lembro que há uns anos atrás fiquei brincando com um cara que falava espanhol, eu pedia pra ele falar Zero e ele dizia Sero, e eu ria pra caramba, mas ele não entendia, afinal de contas achava que tinha pronunciado certo.

O negócio é que ele se esforçava pra dar essa tremida no Z, mas ainda assim saía com som de S. Aos ouvidos dele, tinha sido o suficiente, mas para quem realmente nasceu sabendo a pronúncia do Z como sabemos, percebe que não basta uma tremidinha, tem que ser uma baita tremida. O resultado é um sotaque bem forte.

Ao dar uma pesquisada, vi que características de nosso sotaque são tacar um I no final de palavras (Facebooki, Whatsapi), tendência a engolir o "ed" também do final de algumas palavras. Pronuncia do th forte demais, e R extremamente travado. Já espanhol soa algo muito mais suave e faz exatamente o contrário, ao invés de "travar" a pronúncia palavras, faz elas ficarem mais suaves do que realmente são.

Interessante isso né? No fim das contas não importa se palavras são parecidas em português e espanhol, pois os gringos não saberão o que significam de qualquer forma, eles só vão pegar os traços marcantes da pronúncia. Outro detalhe é que pelo o que andei pesquisando, o português de Portugal soa ainda mais forte.

E nós aqui dizendo que línguas como russo e alemão são brutas e a nossa sendo tão de troglodita quanto ein? Hahaha. Aproveitando o assunto, não deixe de conferir como o sotaque brasileiro soa para os portugueses, e se você estiver pensando em melhorar o inglês, confira as 3000 palavras que equivalem a 86% do idioma falado no dia a dia.

3 comentários:

NomeDiferentus disse...

Interessante.

Lembrei de um amigo espanhol meu que dizia que português brasileiro parecia um russo bêbado falando espanhol.

Na ocasião pensei que o cara era meio doido, mas olha lá.

Matt Kist disse...

Eu trabalhava com um peruano, e na época eu me exercitava no fim da tarde com minha namorada. Daí um dia ele me perguntou o que eu ia fazer depois do trabalho e eu respondi: "eu e minha namoradas vamos correr no municipal(pista de atletismo da cidade), quer ir junto se exercitar?"
O cara ficou vermelho mas depois começou à rir...
Acontece que "correr"(não sei como escreve, só sei como fala) em espanhol (ou pelo menos no peru) é o mesmo que "foder".
Daí pegou mal...

Mas eu conheci uma uruguaia que falava português perfeito, só descobri que era uruguaia e estudou português desde criança porque ela me contou.
Mas se bem que nós do sul temos uma influência mais forte de "castellano", inclusive o "gauchês" é basicamente espanhol misturado com indígena, por isso ngm entende nada. Como: peleja, guaiaca, cuia, porongo, bergamota, etc

Jonathas Aquino disse...

Pois é, nós gaúchos somos foda mesmo! hehehe