Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 25 de dezembro de 2016

Natal Sangrento 4 - Agora até bruxaria tem no bagulho

Sabem, depois que eu assisti Natal Sangrento 3, não imaginei que eu tivesse fôlego pra assistir tão cedo "Natal Sangrento 4 - A Iniciação", porém em meio ao tédio decidi dar uma conferida nessa obra mais do que trash lançada em 1990. Mais uma vez é um filme com seus altos e baixos, a maioria do tempo eu desci o cacete enquanto assistia, mas chegou a um ponto que o filme realmente conseguiu me prender, por incrível que pareça.

A história dessa vez tem foco em uma repórter investigativa que se depara com um caso bizarro em que uma mulher caiu de um prédio, porém estava em chamas. Isso levanta a suspeita do bizarro fenômeno Combustão Espontânea Humana, mas à medida que ela investiga, começa a descobrir que a coisa é mais macabra do que parece.

Como vocês podem ver, o filme parece ter falado "Dane-se!" e criado uma história completamente nada a ver com a trilogia Natal Sangrento, simplesmente adicionaram algo NADA a ver, não há referência alguma aos irmãos assassinos. Ao invés disso aqui os filmes anteriores são colocados como obras de ficção, isso porque em uma cena está passando Natal Sangrento 3 na TV, é algo bem tosco.

Pra falar a verdade a coisa aqui é tão absurdamente nada ligada ao natal que me faz pensar que o que aconteceu foi exatamente o mesmo que Silent Hill 4, onde inicialmente era uma obra com um nome diferente e decidiram aproveitar o nome de outra franquia para tentar aproveitar um pouco do sucesso. Isso porque, apesar da história se passar no natal e ter enfeites, poderia ser em qualquer época, não tem nada de simbólico como os outros filmes da série.

O começo do filme é só a bagaceira, impossível não rir com o nível de tosqueira da coisa, a câmera também é visivelmente com uma qualidade bem inferior ao que temos nos anteriores. Sendo assim o que me veio à cabeça rapidamente foi um "É... A grana pelo jeito acabou de vez...". E assim comecei a zuar sem parar com tosqueira atrás de tosqueira, mas então chegou a um ponto que a coisa de repente mudou.

Assumo que achei o filme perturbador, o negócio é que o que é mostrado aqui é bruxaria urbana daquelas pesadonas mesmo. O que temos aqui é um filme bem gore, com uns lances completamente asquerosos envolvendo insetos gigantes, nudismo, sexo forçado e coisas completamente bizarras. O filme tem um forte toque de suspense e uma música atmosférica constante que lembra algo noir.

Existem alguns momentos que achei realmente bizarros demais e assustadores pra caramba. Não é que eu tenha medo de insetos gigantes em si, a ideia parece tosca, mas a forma que colocaram foi impactante. Tipo a personagem está comendo macarrão e vê uma pequena barata saindo de dentro, o que é bem nojento e ela taca no chão, daí na cena super escura a câmera mostra um cantinho e você vê a cabeça de uma barata do tamanho de um cachorro pequeno e logo ela se movendo rapidamente pra se esconder atrás do sofá. A forma que a coisa foi feita ficou demais.

Outro detalhe que adorei foi o fato de que os insetos costumam estar presentes exatamente nos momentos em que a personagem está sofrendo mais pressão. Ou seja, ela está lá desesperada, uma gritaria rolando solta, pessoas estranhas a cercando, e nos cantos estão lá os insetos. Isso saiu realmente bizarro.

O filme me pareceu como uma das subhistórias que aparecem na HQ Spawn, com aquela atmosfera de pessoas vivendo de forma bizarra, mas tendo contato com coisas fantásticas. Essa mistura de insetos, mendigos e sobrenatural em um ambiente urbano caem muito bem com o universo de Spawn. Inclusive o filme poderia ter um título próprio ao invés de ficar desnecessariamente às sombras de Natal Sangrento.

Infelizmente esse parece ser o caso de um filme com potencial fantástico que saiu só a bagaceira graças à quantidade enorme de momentos trash. Não sei se o motivo foram os péssimos atores, o roteiro com partes forçadas ou a falta de orçamento, mas como falei o começo do filme é uma tosqueira absurda. Demora um pouco pras coisas começarem a ter algum destaque e mesmo assim ainda tem muita tosqueira presente, mas acho que nas mãos da equipe que fez Coração Satânico por exemplo, poderia ter saído uma bela obra de arte grotesca.


3 comentários:

Jhonn R'lyeh #ContenteTV disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jhonn R'lyeh #ContenteTV disse...

Essa franquia de Natal Sangrento deve ser bem tosco :v
Vou dar uma conferida nos filmes e tentar não fazer nenhum comentário engraçado durante o filme kkkkk

Aletheia Maues da Costa Eleres disse...

Nossa! Eu estava procurando sobre esse filme. Assisti na minha infância e fiquei impressionada com a questão dos insetos. Filme a la David Lynch.