Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

sábado, 9 de julho de 2016

As diferenças entre a HQ e a série de Preacher T01E05

Esse é um especial de matérias em que faço uma comparação entre a série Preacher com a polêmica HQ Preacher, mostrando as diferenças cena a cena. Se você quiser ver a lista com todos os episódios comparados é só dar uma olhada aqui. Caso esteja a procura da revista em quadrinhos a venda, elas foram lançadas no Brasil em volumes e você pode conferir aqui.

O episódio começa com uma imensa cena dedicada ao Santo dos Assassinos. Nos quadrinhos a coisa é bem mais modesta. Apesar desse personagem aparecer já nas primeiras edições, é tudo muito diferente. E esse momento no Velho Oeste é algo que só é citado bem mais pra frente e de uma maneira difícil de se compreender, com muitos flashs e coisas metafóricas, isso tudo em um delírio de Jesse. Mas pelo jeito mostraram já de cara as coisas de um jeito mais bonitinho na série.


Quanto a cena do Cara-de-cu com a invasão em seu quarto e a relação com o pai, a coisa é bem diferente. A parte do pai dele ser um baita idiota com o garoto acontece nos quadrinhos, mas não tem essa invasão, as cenas dele são bem rápidas na primeira cidade. Assim como a cena do final do episódio em que a mãe fica irada com ele também não acontecem. Pelo jeito colocaram o que aconteceu com ele de uma forma mais profunda no seriado.

Quanto às cenas entre Cassidy e Tulipa, a coisa muda demais, eu inclusive tomei um susto. É verdade que Cassidy nos quadrinhos teve uma atração por ela quando tentou lhe roubar a caminhonete. Depois se apaixonou mesmo, porém isso é algo que só é revelado muitíssimo mais pra frente. Cassidy e Jesse viram amigões, passam por muitas coisas juntos e em um dia enquanto ele está bêbado, revela pra ela que está apaixonado.

Nos quadrinhos a coisa é realmente incômoda, pois ele é o melhor amigo de Jesse, mas se mostra um verdadeiro babaca quando o negócio envolve mulher. Ele propõe cair fora com Tulipa, depois coloca a culpa na bebida. Ela fica com raiva, rolam muitas coisas e o primeiro beijo e transa deles também é algo bem sem paixão por parte dela, mas na HQ você sente bem o peso do que está acontecendo. Na série Cassidy nem sabe que ela é a ex de Jesse.

As cenas dos anjos bolando uma forma de se explicar não existe, no caso deles a coisa é bem direta mesmo, desceram à terra, falaram com Jesse, explicaram parte do que está acontecendo e do que rolou no paraíso e só. Depois eles aparecem bem mais pra frente, não são personagens muito importantes e que tem tantas cenas assim. Então a cena da conversa na lanchonete é mais ou menos equivalente à cena que já mostrei aqui do anjo falando com Jesse no meio da rua.

De resto todas as cenas são coisas da série, o cara desesperado porque Jesse tem poderes, o povo da cidade tão animado com a igreja e etc.E a cena de Quinncannon definitivamente não acontece, mas é algo que realmente tem muito a ver com o personagem e que ele faria com certeza. As HQ's de Preacher foram lançadas no Brasil em volumes e você pode conferir aqui.

Nenhum comentário: