Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Selfie : Sisters of the Amniotic Lens - Estranho e fabuloso!

É engraçado, mas eu fiquei surpreso em ver esse jogo na steam com o status de "Positivo" baseado nas análises feitas. Mesmo achando uma experiência fantástica, o que eu sinceramente esperava ver era um "negativo" ou no máximo neutro. Digo isso porque depois de experimentar obras como N.P.P.D. RUSH e Uriel's Chasm, dois jogos com um nível surreal de esquisitice da mesma empresa, eu cheguei a conclusão que os caras da Rail Slave Games são artistas incompreendidos. Sendo assim, os jogos deles não são para o público em geral, mas sim para aqueles capazes de sentir a essência da coisa, portanto quando vi Selfie, mal acreditei que as pessoas conseguiram digerir.



Como era de se esperar, esse é um jogo estranho, o menu dele apresenta uma televisão daquelas antigas onde era preciso girar um botão para ligar, desligar e mudar de canais, e nela passa um cara falando algo sobre duas garotas que foram sequestradas e os corpos foram achados, além de viagens para outras dimensões.

Ao entrar na partida, me deparei com um baita texto grande, o que me deixou nervoso por medo de não conseguir ler, por isso fui apertar F12 pra tirar um printscreen, mas ao invés disso o texto saltou, vindo outro menor onde tentei o mesmo e também saltou para começar a partida.

A sensação do primeiro contato sem ter lido o texto inicial, que depois vi que era bem importante, foi simplesmente muito esquisita. Isso porque esse é um jogo que não é intuitivo, é bem estranho. Então fui colocado em uma sala, logo me perguntei o que estava acontecendo, não dava pra andar, mas era possível ver vultos de carros lá fora e um sol de crepúsculo entrando pela janela. Moscas voando pra todo lado e uma TV em minha frente.

Mas comecei a achar a coisa tensa quando olhei pro lado e tinha uma garota morta, com uma faca no peito, sentada em uma cadeira de rodas, e e sem as duas pernas, o osso e carne aparecendo. Claro que achei bizarro, mas não tanto quando olhei pra baixo e vi que eu também estava em uma cadeira de rodas, e não conseguia ver minhas pernas...

Eu acabei de descrever o início do jogo, porque ele é daquele tipo de obra surreal que não se existe uma definição exata de como é, é mais algo para se sentir. O que eu imagino é que os criadores falaram "Vamos fazer algo assim, e assim e assim..." e foram colocando coisas que te fazem sentir em uma verdadeira viagem psicodélica onde o bizarro e o maravilhoso se misturam.

A sala inicial do jogo é cheia de detalhes e logo você sente uma certa beleza, a música que passa vez ou outra é tão linda, tão harmônica, e tão natural, inclusive ao fim delas tem o som de um monte de crianças gritando brincando, que dá a sensação de que foi gravada na casa de alguém e isso saiu na gravação, mas ao invés de regravarem, deixaram lá. E é essa a sensação que tenho ao jogar Selfie, algo muito puro, nem sempre bonito, mas também nem sempre feio.

Eu tive novamente aquela sensação maravilhosa que descrevi em SNOWFLAKE TATTOO, mas um pouco diferente, já que os gráficos 3D aqui apresentados nunca rodariam em um PC do ano 2000, mas mesmo assim tive aquele sentimento, de jogo estranho achado na internet. E isso só aumentou com os elementos de MMO do jogo.

Isso mesmo, o jogo é um MMO completamente estranho! É algo relacionado a outras dimensões e apresentado de uma maneira que não dá para se entender direito. O que sei é que existem outros viajantes e na interface de TV existe uma área para mensagens, você as envia, alguém recebe, eles podem responder, e as vezes você recebe mensagens e ganha pontuações. Outras pessoas podem capturar seus pontos para elas ao ler suas mensagens.

É um multiplayer que acabou caindo tão bem, é impressionante como algo simples assim ficou tão estiloso. Sinto como se esse jogo fosse para você de repente acordar de madrugada sem sono, ligar o computador e entrar nele, e então começar a viajar... Receber mensagens de desconhecidos, voar pelo espaço com vestidos de noiva vagando, ver os pequenos detalhes. É bem intenso.

Enfim, como falei, me surpreendeu ver o jogo ser classificado como positivo, mas mesmo assim não acho que é um jogo para todos. Se você é do tipo de pessoa que tem paciência para jogar algo pensando mais no "sentir" que no "se divertir", certamente vai se apaixonar. Vale a pena dar uma conferida no site da G2A pra ver o preço que está lá, pois eles costumam vender keys da steam por um valor bem mais barato que na própria steam e ainda aceitam boleto bancário. Dê uma conferida no preço que tá lá, clicando aqui.

Nenhum comentário: