Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 23 de abril de 2015

Will Fight for Food - Um RPG com violência sem sentido!

O título desse jogo é "Will Fight for Food: Super Actual Sellout: Game of the Hour" e antes que perguntem, sim, o nome do jogo é isso tudo mesmo, usando um sub-subtítulo, mas naturalmente é mais prático falar apenas Will Fight for Food, que significa algo mais ou menos como "Lutarei por comida", então já dá pra notar o naipe do negócio né? Um jogo muito esculachado e capaz de gerar boas gargalhadas, além da possibilidade de escolha entre se jogar algo pacífico e com muito diálogo ou simplesmente partir pra porrada.

Aqui você assume o controle de Jared Casey Dent, um lutador de luta livre que participa do grande torneio de sua vida, mas ele é forjado e por isso tem que perder, após isso a sua carreira cai em desgraça e aquele que um dia foi uma super estrela cheia de fãs, acabou se tornando um mendigo. Isso faz com que ele decida que está na hora de tomar uma atitude e assim parte para se encontrar com antigos conhecidos.

Sabem, é engraçado como esse jogo parece uma clara resposta ao RPG anterior da desenvolvedora, que foi Unrest, e o toque super especial que aquele jogo tinha, é que tudo era resolvido usando apenas o diálogo, era um RPG político e em que era preciso se tomar decisões enquanto conversa e assim a trama vai se desenvolvendo, mas ao mesmo tempo em que isso é inovador, também foi bastante criticado por alguns, já em Will Fight for Food parece que esse "problema" foi resolvido da forma mais radical possível.

A primeira forma de se jogar é com um sistema de conversa, nela você veste apenas o seu sobretudo estiloso e fica com o rosto exposto, como uma pessoa normal. Sendo assim você pode ir visitar pessoas em vários lugares da cidade, eles podem ser antigos conhecidos, amigos da época da luta, ou podem ser pessoas novas. A partir do diálogo você vai pegando informações, conhecendo pessoas e vagando pela cidade além de usar toda uma série de sistema complexa como linguagem corporal.

A segunda forma de jogar é bem mais simples, basta você apertar espaço para colocar a máscara e sair por todos os lugares da cidade espancando todo mundo, essa pode não ser uma noite de redenção, mas sim uma noite sangrenta de vingança! E assim o jogo se torna um beat 'em up onde só há porrada e assim situações bizarras surgem, como um dos seus amigos que virou ator e está gravando um filme, e você vai lá e espanca a equipe inteira, fazendo com que seu amigo surja e te persiga pra matar.

Pra falar a verdade também existe uma terceira forma de se jogar, que é variando entre as duas primeiras formas, ou seja batendo em uns aqui e conversando com outros ali. Além disso há um inventário com itens que você rouba daquelas pessoas que você mata e é possível equipar alguns itens para alterar o status de seu personagem.

Enfim, esse é um jogo bem estranho que pode ser hilário e emocionante ao mesmo tempo, assim como pode ser completamente calmo ou em uma ação sem limites com muita pancadaria sem sentido. Quem se interessar é só dar uma conferida no site oficial do jogo.

Nenhum comentário: