Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Glorkian Warrior - Um jogo para rir e se viciar bastante

Hora de falar sobre um daqueles jogos puramente simpáticos e que apesar de apresentarem algo bastante sem noção, existe uma certa inocência na coisa, com um humor seco, mas que pode ser completamente hilário para muitos. Além disso com uma jogabilidade divertida e que consegue fazer um Shoot 'em Up com uma carinha tão própria, que para alguns certamente pode até parecer que é algum tipo de gênero novo.

A história te coloca no papel de um Guerreiro Glorkiano que viaja pelo espaço e costuma pousar em asteroides para defendê-los de invasões alienígenas. Ele tem ajuda de seu amigo super confiável, a sua mochila, mas ao pousar em um asteroide, acaba encontrando as mais variadas criaturas estranhas e tem que lidar com isso. Como pode ver, a trama faz um sentido enorme, não é mesmo? Pois é exatamente nesse estilinho esquisito que é criado o jogo.

Quando fui jogar, eu não sabia exatamente como era a jogabilidade, mas assim que vi que podia controlar o meu personagem correndo e saltando, pensei se tratar de um jogo de plataforma, porém foi uma surpresa ao ver que isso acontecia em um cenário limitado na esquerda e direita, e os inimigos surgiam em cima o tempo todo enquanto tiros indo pra cima não paravam de sair do meu personagem, mesmo sem apertar nada.

Foi então que vi que o jogo tratava-se de um Shoot 'em Up diferente, pois normalmente nesse tipo de jogo, você controla uma navinha e a tela vai se movendo automaticamente enquanto naves inimigas aparecem e você tem que se movimentar. Aqui a única coisa automática são os tiros do seu personagem, e você está em solo firme, tendo que correr e saltar, mas sempre voltando ao chão, e enquanto isso pode ver acima de você os inimigos alienígenas surgirem e começarem a atirar.

Existem habilidades que você vai ganhando, portanto as vezes quando você mata um inimigo, ele deixa cair um item e se você pegá-lo, seu tiro pode se modificar, como por exemplo virando tiro duplo, ou bolas de fogo. Além disso ainda podem cair pacotes de energia que fazem qualquer tiro seu ficar ainda mais rápido, cristais que dão bônus para o seu personagem, destravando novas coisas ao final de cada partida.

Uma coisa que com certeza vai fazer muita gente amar, é o senso de humor estranho apresentado. Por exemplo na primeira vez que morri, eu esperava apenas um "Game Over, recomece de novo!", ao invés disso a câmera foi até os personagens e o Glorkiano disse "Ufa, finalmente acabou", então sua mochila "Nós ganhamos?" e ele "Não". Eu ri demais quando vi isso, pois com o diálogo cheguei a pensar que eu não tinha perdido, mas sim passado de fase e apenas tive a impressão de ter tomado dano. E toda vez que eles perdem, há diálogos estranhos, com um monte de loucuras, além de outros personagens que vez ou outra aparecem, como as irmãs que dizem que se você não as obedecer, elas vão gritar e então você diz "Não! Por favor, nós faremos o que quiser, só não grite!".

Graficamente o jogo é muito fofo, realmente uma coisa bem simpática, apesar de ser um visual 2D e os traços serem simples, é aquele tipo de visual que tem um toque especial nessa simplicidade, os traços tão únicos chamam a atenção e certamente se torna uma coisa charmosa que combina bastante com a atmosfera apresentada.

Enfim, fica essa dica de jogo charmoso que com certeza é capaz de encantar muita gente, é uma obra daquelas sem compromisso em que você joga vez ou outra pra se divertir e passar o tempo, com certeza vale a pena. Quem se interessar é só dar uma conferida no site oficial do jogo.

Um comentário:

Unknown disse...

Ai como eu amo a Pixeljam! O meu jogo preferido deles obviamente é o Dino Run.