Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

terça-feira, 10 de março de 2015

Dragon Ball Xenoverse - Um jogo que me surpreendeu

Sempre fico maravilhado quando espero algo de um jogo, e quando vou experimentar, não é o que eu estava imaginando, mas sim algo muito melhor. E esse foi exatamente o caso de Dragon Ball Xenoverse, um título que eu esperava ser apenas mais um jogo de porrada, divertido, porém sem nada que ia muito além dos anteriores, porém a coisa foi realmente pra um rumo que eu nem imaginava em um jogo de luta, apresentando elementos de MMO que o tornaram bastante fantástico.

A história apresenta um evento que faz as linhas do tempo começarem a se modificar e acontecer de maneiras diferentes, o que faz com que um grupo de guardiões do tempo passe a interferir, fazendo com que as sequencias de evento ocorram da maneira adequada. Quando Trunks percebe que isso será uma tarefa bastante difícil, ele reúne as sete esferas do dragão e pede por um aliado forte que lute a seu lado, e assim o desejo é concedido.


Tenho que assumir que nunca joguei os jogos de Dragon Ball Z pra valer, porém sempre achei fantástica a forma que passou a ser adotada a partir dos jogos de Playstation 2, com aquele campo aberto para os jogadores se moverem a vontade e terem a verdadeira sensação do que era apresentado no anime, com cenários deixando crateras e tudo mais. E é exatamente isso que eu estava esperando para esse jogo, algo que me divertiria, mas que não variaria muito, porém foi um erro meu.

A começar pela história do jogo, que achou uma maneira de reapresentar de novo as diversas lutas do universo de Dragon Ball, mas com um motivo. Os fragmentos de tempo modificados te permitem alterar a vontade e lutar não somente como personagem do bem, mas sim ficar do lado do mal e enfrentar os mocinhos, o que é algo mais interessante ainda.

Outra coisa bastante legal, é que você pode realmente se sentir como personagem do universo de Dragon Ball, pois ao invés de simplesmente escolher um dos personagens já conhecidos, você deve criar o seu próprio personagem com roupas, cores, estilo de cabelo, estatura e etc. Isso deixa a experiência bem mais pessoal, e mesmo assim ainda é possível escolher os outros personagens durante os combates.

Mas sem dúvida a grande estrela do jogo é o elemento MMO apresentado, que m foi uma baita surpresa, pois existe uma cidadezinha em que você pode interagir com personagens e até mesmo jogadores, indo a lojas e escolhendo missões. As missões são de história e existem as alternativas, você escolhe se quer ir direto ao ponto ou não.

Com o sistema de nível, técnicas adquiridas e itens que podem ser usados, você vai sentindo que o seu personagem cada vez fica mais poderoso. Sendo assim no começo você começa fraco e com poucas coisas, mas cada vez que vai fazendo missões, fica mais forte e pode ir mudando as roupas do seu personagem e o melhorando, equipar técnicas favoritas e até mesmo usar itens que irão dar certa vantagem, como se curar um pouco.

Os combates são simplesmente fantásticos e não precisam ser exatamente um contra um, cada equipe pode ter de um até três lutadores, ou seja você pode ver seis personagens se batendo na tela, mas também pode ver só você contra três inimigos de uma só vez e ter aquela incrível sensação de se sentir poderoso aplicando diversos combos seguidamente. Com a possibilidade de voar, é muito bonito ver vários personagens ao mesmo tempo se batendo, é lindo ver um personagem passar voando do seu lado e cair no chão formando um buraco, ou mesmo por pouco ser acertado por um forte raio de energia disparado por alguém.

É possível fazer equipes e essas são tanto de personagens controlados pelo computador, como por outros jogadores, sendo assim você pode ser um jogador solitário, mas ao mesmo tempo chamar amigos e juntos irem fazendo missões. Acho que especialmente as missões mais difíceis acabam sendo muito divertidas, pois o grupo pode perder e ter que bolar uma estratégia melhor para tentar novamente.

Durante as missões também existe uma bela variação de coisas, por exemplo você pode usar o seu óculos especial para localizar itens no cenário e ir lá coletar, e após uma luta é possível que um portal se abra e você tenha que entrar para continuar o combate em um lugar completamente diferente, e mesmo podem acontecer algumas surpresas, como do nada em meio a pancadaria, surgir um inimigo mais forte pra dar continuidade ao combate. Isso gera aquele climinha todo especial de você realmente estar no anime.

Enfim, Dragon Ball Xenoverse é um jogo que me surpreendeu e que certamente qualquer fã de jogos de luta ou do anime irão amar! Uma jogabilidade que já é conhecida, mas que recebeu um tempero todo especial com os elementos de MMO e que vai satisfazer muita gente. Vale a pena!  Vale a pena dar uma conferida no site da G2A, pois lá eles costumam vender keys da steam por um valor bem mais barato que na própria steam e ainda aceitam boleto bancário. Dê uma conferida aqui.


Nenhum comentário: