Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 26 de outubro de 2014

Squishy the Suicidal Pig - Um jogo diabolicamente fofo!

Esse é daqueles jogos que alguns pais certamente podem tomar um belo susto ao dar para seus filhos pequenos jogarem, isso porque embora tenha um visual completamente fofo, uma trilha sonora animada e bonitinha, além de personagens que são realmente uns amores, o jogo tem um toque bastante diabólico e usa um humor negro capaz de fazer alguns cristãos terem um verdadeiro ataque ao ver os filhos jogando.

A história apresenta um simpático porquinho que vivia feliz com os pais na casa deles, porém um dia um caminhão chega e o maldoso dono do açougue decide que ta na hora de alguns porquinhos maduros serem convertidos em bacon! Sem saber o que fazer, o filhinho não decide ir em uma aventura para resgatá-los, mas sim encontrá-los de uma maneira mais rápida, e assim ele pega uma guilhotina pra cometer suicídio. A surpresa acontece quando ele vai para o inferno e encontra Satanás rindo dele e dizendo que suicidas sempre vão para o inferno, mas para a sua sorte o inferno está entediante e assim o diabo decide que vai fazer um jogo com o porquinho, permitindo que ele volte várias vezes para a terra e faça sua jornada, mas a cada parada que der, ele terá que cometer suicídio novamente, e assim ele começa um longo caminho com muita morte brutal.

Como podem ver, o jogo tem uma história bem insana e que não é exatamente fofinha como o resto do jogo, o que pode ser um susto para alguns. Sendo assim esse é o tipo de jogo que é muito mais adequado para um público que se atrai pelo humor negro, mas ignorando a história, pode ser também uma bela diversão para jogadores hardcore do gênero plataforma.

A jogabilidade é muito simples, você deve atravessar pequenos cenários e alcançar um precipício cheio de espinhos para cometer suicídio, ou qualquer outra maneira que faça o porco morrer, porém esse jogo não é meramente plataforma, e sim fases com desafios, portanto você tem que arrastar caixas, apertar botões e acionar bombas para explodir obstáculos, é preciso descobrir como chegar aos espinhos, e portanto é necessário pensar, e esse é realmente o maior desafio, pois o jogo oferece alguns locais que são complicados para visualizar a maneira de sair dali.

Graficamente o jogo é adorável, há todo um traço de fofura e elementos muito bem desenhados com cores fortes e aquele toque pixelizado que muitos tanto adoram, fazendo assim um visual neo retro muito gostoso de se ver. Definitivamente é também um elemento que pode acabar enganando muita gente e fazendo com que achem que esse é um jogo para crianças.

Enfim, sem dúvidas eu gostei muito de Squishy the Suicidal Pig, e para quem se atrai por humor negro, plataforma ou puzzle, e não ficar chocado com a trama por trás do jogo e os finais de cada fase, pode se interessar um bocado em dar uma conferida nesse. Quem se interessar pode dar uma olhada na steam.

Nenhum comentário: