Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 21 de setembro de 2014

O belo curta mal compreendido de Shadow Of Mordor

É engraçado como a qualidade de algo pode ser tão alta, que é capaz de acabar ofuscando o brilho de outras obras que também são incríveis, mas não tanto. Esse é bem o caso de Shadow Of Mordor, um curta metragem em live action baseado no jogo de mesmo nome, e que foi feito pela galera do Corridor Digital, equipe especializada em efeitos especiais, mas que é oficial, pois foi encomendado pela própria Warner Bros Games.

A primeira vista, a sensação que o curta pode causar uma sensação de ser algo meio mal feito, mas ao se olhar direito, você percebe que na verdade é cheio de belos detalhes. A sensação do "mal feito" é gerada por ser um live action que se passa no universo do senhor dos anéis, fazendo assim com que naturalmente bata aquele desejo de ver mais uma vez algo com a mesma qualidade que foi apresentada em "A sociedade do anel", mas não é, é bem inferior.

Apesar disso, não significa que esteja mal feito, apenas significa que a qualidade da trilogia senhor dos anéis foi impecável, linda demais mesmo, com uma maquiagem perfeita. Daí quando você vê os orcs desse curta, tão mais humanizados, dá aquela sensação de "Mas isso aí é só um cara fantasiado de orc, e não a criatura maldita e bizarra que sou acostumado a ver, que sem graça... Porém ao olhar bem, os detalhes são incríveis, sim são pessoas vestidas de orcs, mas é uma maquiagem que embora claramente não tenha custado uma fortuna, saiu convincente.

Mas fora o visual dos personagens, as filmagens foram feitas em um ambiente muito bom  também, que acabou sendo adequado pra caramba e simulando bem aqueles cenários que tanto conhecemos, e claro, não posso deixar de falar do roteiro, que apresenta o personagem principal do jogo usando as suas habilidades, e existe um desenrolar rápido, porém muito gostoso de se assistir, com um leve toque de humor como a trilogia senhor dos anéis costuma colocar em algumas cenas, e bastante ação. Uma cena de decapitação em particular me chamou muito a atenção, os efeitos especiais ficaram lindos demais.

Então enfim, estou falando isso porque acho que é um curta que vale a pena e que algumas pessoas estão descendo o pau, mas é bem injusto querer comparar uma obra que foi investido um rio de dinheiro, com um curta metragem de caras que fazem trabalhos para publicar na internet, não é mesmo galera? Confiram:

Um comentário:

Miya Seat Lee disse...

Errr... Não! Foi mesmo muito ruim...
Nem é com relação ao investimento financeiro, mas o que foi mostrado não tem a ver com o universo de Tolkien. Só deram importância às cenas de lutas, que foram boas, ao menos.
A postura dos personagens foi tão falha que, mais um pouco, algum orc apareceria com o boné invertido e um colar no pescoço cantando um rap!