Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 31 de julho de 2014

LogiGun - Um jogo para quem ama resolver puzzles!

Todo mundo sabe que Portal foi um jogo bastante revolucionário e que realmente surpreendeu a muitos quando chegou com uma proposta bem diferente e divertida, fazendo com que uma legião de fãs surgisse. Mas aquele jogo foi além, e acabou popularizando bastante o gênero, fazendo com que muitos jogos recebessem asas para um público que queria mais! E com LogiGun você acaba sentindo algo bem semelhante, um jogo que se passa em câmaras e oferece quebra cabeças muito desafiadores e divertidos de serem resolvidos graças a sua mecânica que permite possibilidades incríveis com uma arma que te faz ter vontade de experimentar usá-la no mundo real.

A história é daquelas que é apresentada de forma direta enquanto o jogador está conhecendo as coisas, portanto não existe uma introdução, você é colocado do nada em uma câmara onde instruções são dadas e começa a seguir, se nota que tratam-se de laboratórios com diversas coisas tecnológicas que precisa se fazer certas coisas para ter acesso às áreas. Logo começa a aparecer uma segunda pessoa misteriosa, que parece surpresa com a sua presença e que demonstra não saber quem é você e nem como foi parar onde está. E é assim que a história vai sendo construída, aos poucos as informações vão sendo passadas de forma indireta.

A jogabilidade é baseada em quebra cabeças, a cada câmara você tem um objetivo e precisa alcançá-lo, mas para isso precisa resolver como chegar até lá. Inicialmente você tem apenas a personagem, que pode andar e pular por aí, interagindo com botões, mas logo consegue uma arma que inicialmente solta raios capaz de ativar dispositivos, mas então novas funções começam a surgir... Funções capazes de gerar puzzles inteligentes, como soltar uma corda em um tipo de caixa e ser puxado até ela, ou o contrário, puxar a caixa até vocês, campos laser onde certas caixas não passam, e até mesmo elementos envolvendo a gravidade.

Cada fase se passa em uma câmera, e realmente acho que muita gente acaba lembrando de portal, isso porque elementos como você controlar uma personagem que fica calada, uma pessoa aparecer constantemente para fazer comentários, haver uma série de mecanismos nas câmaras, e você ainda ter uma arma especial capaz de fazer coisas inacreditáveis, é o suficiente para assimilar as duas obras. Além disso os quebra cabeças são um tanto inteligentes, e é normal você chegar até um ponto e perceber que aquilo que você calculou foi bem errado e terá que recomeçar a partir de um ponto.

Graficamente o jogo é bem simples, ele é 2D e apesar da personagem se mover completamente, com braços e pernas, transmite um pouco aquela sensação de jogo em flash, pois parece que os membros da personagem foram feitos separadamente e se movem de uma maneira um tanto estranha como se estivessem soltos, dando aquela sensação de que ela vai despedaçar a qualquer momento, especialmente quando a personagem dá saltos, eu senti como se ela estivesse um pouco deslocada demais do cenário e a qualquer momento fosse cair no chão e atravessar, ou bugar e entrar em uma parede. Apesar disso a quantidade de possibilidades com os elementos visuais acaba deixando esse elemento não tão agradável passar.

Enfim, se você gosta de jogos de resolução de puzzles, certamente irá amar esse, pois a quantidade de variações que colocaram na arma foi enorme, fazendo assim com que você tenha que se adaptar de inúmeras formas. Quem se interessar pode dar uma conferida no site oficial do jogo.

Nenhum comentário: