Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

sábado, 31 de maio de 2014

Half Minute Hero: The Second Coming - Um jogo incrível!

Acredito que Half Minute Hero é um daqueles jogos que apesar de ser indie, pode ser considerado clássico instantâneo, isso por ter inovado demais um gênero que já foi usado e abusado ao extremo, que é o JRPG. Aquele jogo pegou elementos que todos já conheciam e apresentou de uma maneira muito diferente, tornando-o um jogo único. E assim eu tenho que assumir que embora tenha sido algo que me causou uma certa surpresa quando vi a continuação, logo percebi que era algo que eu já podia esperar, afinal de contas o que é bom acaba se repetindo, e assim hoje eu vou postar aqui uma análise sobre Half Minute Hero: The Second Coming, que certamente é um jogo capaz de deixar muita gente tão viciada quanto no primeiro da franquia.

Assim como o primeiro, aqui a história também é um tanto genérica, porém isso é compensado pois há um toque enorme de senso de humor, capaz de fazer dar belas gargalhadas usando clichês constantes em jogos de aventura, e aproveitando esses clichês para tirar um sarro, fazendo assim com que seja aquele tipo de jogo onde você sabe muito bem que verá coisas que já viu antes, porém os personagens também sabem bem disso e assim sempre existe uma certa ironia nas coisas previsíveis que acontecem, e esse é um grande toque. A trama se passa muitos anos após os primeiros heróis vencerem o mal e acabarem com o os mestres das trevas que estavam usando o pergaminho da perdição para tentar destruir o mundo. Mas agora um novo mal surge e um novo grupo de super vilões quer dar um fim a tudo, e para isso mais uma vez usam o pergaminho, onde em apenas trinta segundos tudo será destruído. A deusa do tempo vê o que está acontecendo e percebe que é uma ótima oportunidade de lucrar, e assim oferece os seus serviços por dinheiro, que naturalmente faz com que os heróis aceitem.

A jogabilidade é a mesma do jogo anterior, você é colocado em um mundo cheio de criaturas e deve passar por ele correndo, isso porque existe um tempo de 30 segundos, se esse tempo acabar, o mundo é destruído, então você tem que chegar ao castelo, e matar o vilão antes disso ocorrer, mas existe sistema de nível e é preciso matar umas criaturas primeiro. Eu sei que parece impossível, porém essa é uma das coisas mais fantásticas da mecânica do jogo, fizeram uma bela forma de tornar possível, portanto você logo percebe que é praticamente um puzzle onde você tem que ver o que fazer primeiro e na sequencia certa.

Se você confronta algum inimigo, a tela irá mudar e o combate começa. Mas aqui as coisas são diferentes, não é um RPG de turnos, aqui em um lado está o inimigo e do outro o grupo de heróis, os dois vão se aproximando até trombarem e começar a pancadaria, a vida do herói vai baixando e se chegar a zero ele perde o combate, por isso é preciso saber a hora de usar itens pra se ter vantagens em combate. O tempo continua correndo durante a pancadaria, por isso costumam ser rápidas e logo a tela de combate sai, é possível também acelerar as coisas apertando o botão de correr, porém isso faz sua vida ser perdida mais rápida, mas cada segundo é importante aqui.

Nas cidades o temo para e você pode ter um pouco de paz e é exatamente nelas onde as coisas melhoram um pouco já que você pode contratar serviços pra auxilio, é possível fazer uma refeição para recuperar a vida, comprar itens para usar no combate, e também fazer uma oração em uma estátua da deusa do tempo para que você recupere alguns segundos e assim tenha mais tempo, dessa maneira as coisas melhoram bastante, pois você pode sair da cidade, lutar, ganhar nível, ganhar ouro e nos últimos segundos entrar na cidade de novo e pagar o ouro para ter mais tempo ainda.

A sensação de adrenalina causada no jogo é maravilhosa, é impressionante como o tempo parece ser expandido, 30 segundos é mais do que parece ser e como é mostrado um cronômetro em contagem regressiva, você fia ansioso olhando pra ele e vê cada centésimo de segundo aparecendo na tela. É demais quando você sai desesperado e percebe que faltou menos de um segundo pra o tempo terminar e você entrou na cidade bem na última hora.

O jogo ainda contém multiplayer online para você se divertir com os amigos e passar bons momentos, e vai além, colocando a opção de criação de níveis, sendo assim a sua experiência pode ser completamente diferente durante as partidas e não apenas limita ao conteúdo que o jogo já oferece.

Quanto a visual, o jogo apresenta algo no mesmo estilo dos JRPG's tradicionais, portanto uma visão de cima, um visual retro e telas que mudam assim que você enfrenta inimigos, porém é tudo cheio de belos detalhes, durante a pancadaria por exemplo, você pode ver que os personagens tem diversas animações enquanto estão em frenesi dando uma sequencia de ataques. O som ajuda ainda mais na atmosfera, são músicas eletrônicas bem agitadas e que combinam perfeitamente com o clima.

Enfim, ta aí um belo jogo que consegue fugir do padrão desse gênero e uma verdadeira franquia que inovou algo, se você gostou do primeiro, não perca tempo em experimentar essa maravilha. Clique aqui para visitar o site oficial do jogo.

Nenhum comentário: