Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quarta-feira, 22 de março de 2017

2Dark - Terror simpático com a essência dos anos 90

Hoje vou falar sobre um jogo que foi lançado na base do crowdfunding e é um exemplo daquelas obras que trazem antigos nomes de volta ao palco. No caso trata-se de Frédérick Raynal, o criador de nada menos do que Twinsen's Odyssey, um jogo épico extremamente conhecido por donos de PC's do fim dos anos 90 e início dos anos 2000. Porém para quem acha estranha essa ideia de alguém que fez um jogo tão simpático fazer uma obra de terror, saiba que ele foi também a mente criativa por trás de Alone in the Dark.

A história de 2Dark tem início na década de 60, quando um detetive chamado Sr. Smith está acampando com sua mulher e um jovem casal de filhos. No entanto enquanto vão pegar lenha. No entanto uma gritaria começa e ele só chega a tempo de ver o cadáver de sua esposa e um carro partindo com as crianças gritando. Isso faz com que ele dedique os próximos sete anos revoltado, investigando casos que envolvam sequestradores e agindo violentamente fora da lei.

Esse é um jogo que mistura vários elementos de gêneros diferentes, a princípio pode parecer um jogo de solução de puzzles, pois te coloca pra pegar vários objetos, no entanto não demora muito pra você vê que tem combates direto, usando armas de longo ou curto alcance. Além disso itens limitados e a necessidade de economizar o que tem, também precisando usar suas habilidades em Stealth

Mas o jogo também tem elementos próprios bem interessantes, que é a utilização de luz e sons nas medida certa. Eles podem te ajudar, mas se você exagerar ou usar da maneira errada pode acabar fazendo com que isso te coloque em problemas ou até mesmo morra. Portanto o que temos aqui é um jogo com uma baita mistura e que acaba gerando uma personalidade própria.

Seu objetivo é ir a lugares onde há relatos de crianças desaparecidas na cidade de Gloomywood, você precisa entrar nos lugares, descobrir o que está acontecendo, localizar crianças e fazer com que elas te sigam para a saída. No entanto há psicopatas, armadilhas e quebra-cabeças que precisam ser resolvidos no meio do caminho.

O jogo é extremamente escuro e você conta com um isqueiro que ilumina pouco, ou pode usar também a lanterna, que tem limite de pilhas. Mas se quiser algo mais visível, pode acender a luz, deixando tudo mais visível, inclusive você. Essa luz pode ser usada para chamar a atenção dos inimigos e levá-los a um determinado lugar.

A mesma coisa pode ser feita com o som, existem botões para o personagem dar ordens, uma é um "Shhh" pra criança ficar quieta, no entanto a "Vamos" gera um círculo ao redor do personagem, e quanto mais vezes você clicar esse botão, maior é essa onda, isso pode chegar aos ouvidos de uma criança, porém também aos ouvidos dos inimigos.

O estilo de stealth desse jogo lembra um pouco o de Neighbours from hell, porém voltado para um público hardcore, apresentando uma experiência no escuro e onde as armadilhas espalhadas não são para seu vizinho, mas sim pra você e ainda tendo que cuidar de crianças.

A maneira que a história é conduzida é bastante agradável, as vezes é por conversa direta entre personagens, porém há muitos documentos espalhados como jornais mostrando a época e explicando certos acontecimentos, ou mesmo a TV em preto e branco, com notícias do jornal. É bem atmosférica a forma que as coisas são mostradas.

Enfim, esse é um jogo com visual, muito fofinho, mas uma história pesada sobre psicopatas, e assim gera aquele contraste meio esquisito, mas para quem procura uma experiência hardcore realmente pode gostar bastante. Vale a pena dar uma conferida no site da G2A pra ver o preço que está lá, pois eles costumam vender keys da steam por um valor bem mais barato que na própria steam e ainda aceitam boleto bancário. Dê uma conferida no preço que tá lá, clicando aqui.


Nenhum comentário: