Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Poly Bridge - Pra construir pontes e morrer de rir

Tem alguns jogos que o humor seco acaba sendo algo natural e Poly Bridge é definitivamente uma dessas obras. Isso porque é o tipo em que você vê que o objetivo em si não é o humor, mas que acaba sendo inevitável devido à bagaceira que suas criações acabam naturalmente gerando. Está procurando um jogo que misture o casual e o hardcore em um só? Esse provavelmente irá te satisfazer um bocado!


Não é bem um jogo com história já que o foco dele é mesmo a jogabilidade, tipo aqueles joguinhos que você abre para passar o tempo. Mas apesar de tudo existe uma "subtrama" e aqui você assume o papel de um engenheiro que recebe um determinado orçamento para ir a alguns lugares e elaborar projetos de pontes.

Esse é um daqueles jogos simpáticos tanto no visual quanto na jogabilidade e que transmitem uma sensação peculiar enquanto você projeta algo e depois vê a coisa acontecendo na prática. Tipo o maravilhoso Prison Architect, apesar da jogabilidade em si não ter nada a ver, é mais algo semelhante à essência da coisa mesmo.

Então há diversas ferramentas disponíveis para a construção, que vão desde barras de metal até cabos de aço. E você tem que usar uma física real, levando em consideração pesos e quantidades de veículos que vão atravessar o lugar e o tamanho da ponte. Tudo tem que ser calculado bem certinho, e por mais que uma ponte pareça bonita, ela pode desabar.

Isso faz com que aconteça as situações mais hilárias, por exemplo você vê os primeiros carros atravessando e pensa "Nossa, tá tudo tão maravilhoso, e olha só que ponte bonita eu construí!", daí quando todos estão no meio da ponte, um dos lados rompe e vira só a bagaceira com um monte de carros desabando.

Uma outra coisa maneira é que você rapidamente percebe o quanto a coisa é realista e em meio aos desastres, vê a parte que rompeu primeiro, onde a ponte é faca e o que seria preciso para deixar aquela área mais forte. Sendo que existe um orçamento para cada ponte, ou seja você não pode encher de coisas, tem que retirar algumas para adicionar outras e isso sim faz seu cérebro fritar.

O gráfico é muito bonitinho, a princípio parece um jogo 2D enquanto você vai montando a ponte, mas assim que você aperta PLAY, aí o ângulo muda para uma visão isométrica e você pode realmente dar uma olhada na beleza da coisa, é um gráfico semelhante a Toon Skyrim, tendo aquele estilinho de desenho animado tão simpático.

Enfim, se você desde criança sempre ficou louquinho com aqueles LEGOS maravilhosos e gostava de construir coisas. Nesse jogo você poderá testar suas habilidades como engenheiro, é realmente muito bacana pra passar o tempo. Vale a pena dar uma conferida no site da G2A, pois lá eles costumam vender keys da steam por um valor bem mais barato que na própria steam e ainda aceitam boleto bancário. Dê uma conferida aqui


Nenhum comentário: