Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 18 de maio de 2014

Gunhound EX - Pra quem adora jogos com robôs enormes

Sempre que eu penso em jogos em 2D que você pode controlar robôs e tem que sair em missões, eu lembro imediatamente de Metal Warriors, um fantástico jogo da Lucas Arts que marcou minha vida, e que meio que definiu esse padrão pra mim, sendo assim outros jogos como Gigantic Army acabaram por gerar um sentimento um tanto nostálgico. No entanto quando conheci Gunhound EX a sensação foi um pouco diferente, ao mesmo tempo que me lembrou Metal Warriors, também tem um toque tão oriental que imediatamente despertou uma baita sensação de animes. E quando paro para pensar sobre o assunto eu acho até estranho, pois naturalmente robôs gigantes em jogos me deveriam lembrar o povo oriental, já que obras japonesas abusam disso, e até lembram, mas não em jogos parecidos com Metal Warriors. Mas enfim chegou a hora de fazer uma análise dessa título.

A história apresenta a humanidade em um momento onde o planeta chegou ao limite do que podia oferecer e assim teve que recorrer desesperadamente a uma nova fonte de energia renovável, isso acaba por fazê-la encontrar uma, chamada "neutron polymer", e obviamente ela se torna cobiçada por todas as nações, inicialmente gera alianças mas a guerra se torna inevitável e em um pequeno país do sul da Ásia uma guerra civil se inicia e torna-se violenta o suficiente para começar gerar consequências que passam a envolver o mundo inteiro.

O jogo apresenta uma jogabilidade à moda antiga, te colocando em cenários com constantes tiros voando para todos os lados, e em que você deve destruir os inimigos. Em seu robô você deve se adaptar a cada um dos robôs rivais, por exemplo existem aqueles que ficam levitando atirando para baixo, os que soltam mísseis no chão e você tem que saltar para evitar ser acertado, os que dão tiros diretos, entre outros, há uma boa variação de modelos e é bastante empolgante vagar em meio à pancadaria.

O jogo se mostra bastante desafiador, não apenas o seu estilo de jogabilidade é à moda antiga, mas a própria dificuldade pressiona o jogador a se adaptar ao momento, pois há uma grande quantidade de inimigos atirando. Mas felizmente o jogo te dá boas possibilidades de combate, você não apenas atira, mas também conta com uma unidade antiaérea, um ataque corporal, a possibilidade de deslizar rapidamente em uma direção, e também um jetpack que contém energia que é gasta enquanto se voa mas que se recupera sozinha.

Os gráficos são pixelizados, porém com um bom nível de detalhes, é naquele estilo que todos tantos amamos que relembra jogos da era 16bits e que causa uma sensação muito gostosa com os vários detalhes interessantes, por exemplo é possível se ver soldados inimigos correndo tentando fugir de seu robô, mas então naturalmente você mete bala e os vê cair no chão hehehe.

Enfim, Gunhound EX é um jogo recomendado para os apaixonados por jogos da velha guarda, gráficos e jogabilidade no mesmo estilo, além de uma dificuldade maior do que costumamos ver. Se você se interessar pode dar uma conferida no site oficial do jogo.

Nenhum comentário: