Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Reign - Uma série sobre patricinhas medievais!

É impressionante como eu realmente não consigo me controlar as vezes, vejo um seriado e penso "É... Esse aí tem cara de ser a maior tranqueira!" mas aí me vem aquele pensamento "Talvez você se surpreenda, vai lá cara, dá uma assistidinha vai!" e quando menos espero, estou lá eu vendo o bagulho.

Reign é uma série que por um instante eu tive a sensação que poderia substituir The White Queen, no entanto realmente não dá para comparar, já que trata-se de um verdadeiro romance para adolescentes. A história é sobre a adolescente Mary Stuart, rainha da Escócia, que é destinada a se casar com o jovem Francis, rei da França.



A série mostra bem aquele negócio de "Ai, eu queria um amor pra mim!", obviamente isso só vale pra gente bonita, e aliás em geral todo mundo é bonito na série. Quando o casalzinho é apresentado, ta um grupo de garotas e aí aparece um cara e uma fala "Ai meu Deus, é aquele gatinho ali? Nooossaa minha pepeka já ta em chamas!" e a outra diz "Não, aquele só é o irmão gostoso, o Francis é mais gatinho ainda!". Ta bom, não foi bem com essas palavras que elas falaram isso, mas em essência foi exatamente isso que falaram!

Francis é um personagem um tanto safado, sabem aquele negócio de príncipe encantado perfeito que veio pegar a garota? Bom, o "príncipe" apresentado aqui tem um pouco mais de desafio pra "princesa" já que de cara o personagem fala que não queria casar com a garota porque na infância ela era feia pra cacete e ele gosta de mulher bonita. Outra coisa é que o personagem já tem uma amante preparada pra continuar a aventura assim que se casarem e chega a dar um esporro na Mary pra ela se mandar porque ele ta ocupado transando kkkkkk. Mas no fim todo mundo sabe que esse papinho é pra se dizer "Nossa, eu consegui conquistar o Bad Boy!" o que aliás é bem isso mesmo, o visual do personagem é medieval, mas tem um design nas roupas que faz lembrar a de um motoqueiro com jaqueta de couro.

Uma coisa interessante e que me fez gargalhar é que já no primeiro episódio os personagens tem uma briguinha já sobre o romance. Eu ri porque normalmente nesse tipo de série o primeiro episódio é todo focado no romancezinho e em como a garota achou o homem perfeito pra só depois começar as briguinhas. Mas nesse já tem de cara a garota surtando porque está frustrada com Francis já que esse ousa não amá-la! E rola até umas ameaças do tipo "Você não tem querer nessa porra, você vai me comer e isso é pelo bem da realeza querido!", ok não foram com essas palavras mas EU SEI que é isso que ela queria realmente dizer uahahhahaha.

Ah e claro, não podemos esquecer do irmão né? Afinal hoje em dia esse negócio de ter só uma opção ta ultrapassado, o lance é ter vááários machos querendo pegar a garota. E no caso o irmão de Francis não está prometido à garota, só que é todo sedutor e tem sempre um climazinho quando os personagens se encontram, é bem aquela coisa de "Querida, você é igual mulher de malandro mesmo né? Gosta de tomar porrada na cara! Mas veja a parte boa, eu to aqui o tempo todo, sou gato, sensível, musculoso, e o principal, quero passar a piroca nessa sua perseguida o mais rápido possível!".

Bom, mas fora isso tudo existe toda uma conspiração é claro, a mãe de Francis tem um macumbeiro particular que vê o futuro, e o cara diz que se a garota casa com seu filho, ele baterá as botas! E o resultado é a Rainha tentando se livrar da garota de todas as formas, seja envenenada, seja contratando um estuprador pra dizer que ela não é mais "pura", essa sim é uma sogra implacável e pronta pra eliminar a mulher do filho.

Enfim, ta aí uma série que patricinhas irão adorar, e certamente o povo que curte história vai criticar muito principalmente pela forma que modernizaram muito algumas coisas, a forma das personagens agirem não parece nada como a realeza costumam agir, é como se elas tivessem se segurando pra não soltar um "VAMOS PRO SHOPPING" a qualquer momento.

3 comentários:

Giovana Martinez disse...

No começo eu teimava com isso de modernização. Afinal, já assisti The Borgias, The Tudors, acompanho Game of Thrones, e não é com esse tipo de "medieval" que estou acostumada. Mas no fim das contas, depois de xingar e me adaptar, eu estou gostando huashuahs

Seguira de séries disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Iscai NM disse...

Por que você deletou seu comentário "Seguira de séries"? Bom, vou colar ele aqui novamente:

"Baseado nas suas afirmações acima, fica claro que você nunca assistiu a série, provavelmente leu direitinho a sinopse, porque nem distante a história é sobre patricinhas medievais, assisti direito a séries para poder falar de algo que você realmente sabe, e não acha! Série excelente de ótima qualidade, digna de adultos e não adolescentes. "

E respondendo, sim, eu assisti a primeira temporada inteira, se você tivesse lido a análise, e não apenas o título, veria que cito diversos detalhes que acontecem. Reign é uma série extremamente modernizada com clima de "Somos as garotas da festa!!! Ebaaa!", um grupo de patricinhas fofocando sobre os gatinhos que vão pegar e um draminha frequente sobre seus "problemas". É básicamente a mesma história de sempre, das jovens garotas que querem o gatinho encantado pra casar. Assista The White Queen e The Borgias que você verá o que é uma série adulta de verdade, não tem nada desse climinha "Vamos festejar meninas!".

Não estou falando que vejo problema em alguém gostar de Reign, ela pode ser uma série bem divertida, mas voltada para o público adulto? Fala sério né, ela tem foco óbvio em adolescentes. Se fizessem uma adaptação séria da história da Maria da Escócia, certamente seria mais parecido com The White Queen e não com mais um romance adolescente, igual Reign é.