Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

terça-feira, 29 de outubro de 2013

Cannon Brawl - Um jogo com um estilo muito inusitado!

Eu nunca tinha ouvido falar de Cannon Brawl até em uma conversa com um colega, ele comentar sobre o quanto tinha vontade de jogar, isso acabou me levando a testar o jogo embora eu não tivesse tantas esperanças de que fosse algo realmente divertido, mas eu estava plenamente enganado, pois esse é um jogo extremamente viciante e agora vou por a análise dele aqui.

O foco do jogo é o combate multiplayer, no entanto existe também um modo campanha e a história dele é sobre um reino com um dócil rei que tem um irmão invejoso que quer tomar tudo pra ele, e dessa forma o rei acaba chamando sua filha para dar um jeito no tio malvado. A história é bastante básica propositalmente e com muito humor, podendo gerar belas gargalhadas com as atitudes previsíveis dos personagens.

Bom, mas agora chega de papo e é hora de falar do que realmente importa, a mecânica do jogo. Ele usa um estilo bastante único, misturando dois gêneros de uma forma inusitada. O primeiro é o de destruição de torres, sabem aqueles jogos ao estilo CastleStorm? Pois é, imagine um jogo daquele misturado com jogos de estratégia em tempo real e você terá algo parecido com Cannon Brawl.

A primeira sensação que se pode ter durante as primeiras partidas é que você está jogando algo parecido com Worms, com uma visão lateral de um combate bastante divertido. Seu objetivo é ir até a sua base e pegar construções para espalhar, porém existe um limite de onde você pode colocar essas construções, e esse limite pode ser expandido se você colocar balões pelo cenário para aumentar o campo de visão.

O objetivo principal é fazer construções de armas para atacar a base inimiga até destruí-la. No entanto o seu inimigo também faz o mesmo e constantemente as construções que você fez são destruídas e ele continua expandindo o território em sua direção até chegar perto o suficiente para atacar a sua base.

Mas nem todas as construções são de ataque, existem diversas, você pode por exemplo colocar uma mina para coletar recursos, sendo que quanto mais minas você tiver instaladas, terá mais recursos e consequentemente poderá construir mais coisas. Pode também colocar escudos para defender as suas construções gerando campos de força temporários e etc... E uma coisa que torna tudo isso ainda mais divertido é a possibilidade de atualizar as unidades, fazendo com que fiquem ainda mais poderosas.

Apesar de você instalar as construções, elas não são automáticas, portanto você tem que ir até elas, preparar o ângulo e atirar, da mesma forma tem que mirar o escudo para o lugar onde quer gerar, ele não faz isso só. A cada vez que você dispara alguma de suas construções, existe um contador e você tem que esperar ele zerar pra poder dar o próximo tiro.

Enfim, aí está um jogo incrivelmente divertido e que me surpreendeu, perfeito para se jogar com os amigos tanto online quanto offline, já que ele permite a você jogar pelo controle e assim deixar dois jogadores no computador.

Nenhum comentário: