Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 22 de setembro de 2013

Como a mídia atual virou um veículo para "certinhos"

Não costumo assistir televisão, porém um dia eu estava passando pela cozinha da casa e ela estava ligada, daí uma coisa me chamou a atenção, um comercial em que aparece o Chucky, de brinquedo assassino, como personagem. Claro que acabei ficando surpreso porque acho que empresas em geral acabam qualificando esse tipo de personagem como inadequado. Porém no fim, acabei dando uma bela risada ao ver a forma que fizeram e resolvi colocar aqui pra vocês e falar um pouco sobre os bons samaritanos gerados pela mídia dos bons moços.

Para quem não viu o comercial (ta no fim da matéria), nele é mostrado uma velhinha fazendo compras e dizendo pra vendedora que vai levar o boneco, dai a moça do caixa olha pra ele e toma um susto e resolve dar um conselho, só que ao invés dizer que o boneco sofreu um ritual satânico e carrega o espírito de um assassino pronto pra passar a faca na véa e no resto da família dela, diz simplesmente que pagar com visa é melhor.

Eu achei esse comercial um tanto ousado e vi que muitas pessoas ficaram frustradas com isso. Vi alguns comentários na internet e o povo diz coisas do tipo "Isso só mostra que o VISA ta pouco se fudendo pro consumidor e só quer saber do dinheiro dele. Se formos parar pra pensar, a mensagem do comercial acaba sendo essa mesmo, de que não importa a satisfação, mas sim que a pessoa use VISA.

Só que agora pensem bem, vocês acham mesmo que a empresa iria colocar um comercial com a intensão de dizer que ela ta pouco se fudendo pro consumidor? Eu duvido muito... Então na minha opinião, o intuito do comercial foi simplesmente fazer algo divertido e os caras não pensaram muito sobre, apenas foram lá e tacaram a bagaceira desse jeito mesmo e no final saiu engraçado.

Isso também me faz pensar no quão delicadas a mídia em geral é hoje em dia, digo hoje porque antigamente as coisas eram barra pesada, por exemplo o Jiraia mesmo, o cara finalizava os inimigos dizendo "NÃO O PERDOO!" e metia a espada, partindo o infeliz ao meio. Para os tempos atuais isso é simplesmente algo que não vai acontecer, afinal como assim um herói não demonstrando piedade e se vingando?

Daí você pensa, "Caramba será que as pessoas REALMENTE ligam pra isso?", porque vamos pensar né, uma pessoa iria deixar de escolher visa por causa do comercial? Eu acredito no poder subliminar sim das coisas, mas em uma empresa com um nível tão alto já, acho que o comercial ser assim ou um clássico "Nós só queremos o melhor pra VOCÊ!" é algo que já não tem mais efeito, no final acaba sendo só o comercial da empresa que todos conhecem.

Claro que sei que comerciais precisam ter um padrão, mas acho que quando a empresa é grande demais, o intuito já não é mais o sucesso, mas sim se MANTER na mente do povo "Olhem, nós existimos ein, nós existimos!" daí a pessoa pode nem ligar pra isso, mas um dia quando ela precisar daquele determinado produto, vão ter as empresas que ela nunca ouviu falar e aquela que ela já vê o comercial há anos por aí então ela fala "Ah é esse aqui mesmo!".

E você, o que acha disso? Acredita que as pessoas são bem frescas quanto a mensagens de comerciais? Ou acham que as mensagens que eles passam são sim exatamente o que falam na TV?

Um comentário:

Agelus disse...

1 - Bando de frescos, depois reclama que não existe inovação mais u.u