Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quarta-feira, 17 de julho de 2013

The Last of Us usou 110% da capacidade do PS3! Confira!

Atualmente li algo um tanto curioso sobre o aclamado jogo para Playstation 3, The Last of Us. Uma entrevista com Neil Druckmann e Bruce Straley, da Naughty Dog, dada para o Wall Street Journal em que falaram sobre a potência de seu jogo.

Uma coisa que já falei anteriormente aqui é sobre como os jogos de consolem evoluem mesmo com o hardware sendo o mesmo, e na entrevista os dois falaram exatamente sobre esse assunto. O jogo é de 2013, mas segundo eles se tivesse sido lançado alguns anos antes poderia ter uma jogabilidade e gráficos muito diferentes da versão final apresentada, e ele não disse isso se referindo a algo equivalente, mas sim no sentido de não terem toda a facilidade que tiveram, o que resultaria em terem que adaptar certas coisas.

Segundo esse assunto da capacidade, Bruce Straley acabou dizendo que a equipe usou 110% da capacidade do Playstation 3 para rodarem o jogo. O que me soa um tanto estranho, claro que pode ter sido só a maneira dele de dizer "O jogo ficou tão foda que usamos mais do que era possível" mas ele podia estar se referindo a muitos truques que a equipe tenha usado para causar certas ilusões de algo maior em alguns lugares, e dessa forma parecer ter ido além do possível, usando 110% ou pode até mesmo ter sido realmente 110% de alguma maneira, vejamos como exemplo o Super FX que tinha para o Super Nintendo e possibilitava ele de ir além da sua capacidade, no entanto não vejo como a equipe conseguiria fazer isso com o tipo de mídia que o PS3 utiliza.

Outro detalhe curioso sobre a jogabilidade inicial do jogo é que o jogo estava apresentando um combate estiloso demais e os personagens lutavam como se dominassem artes marciais, mas os caras acabaram vendo que tava parecendo forçado demais e que não pareciam pessoas normais tentando sobreviver, por isso mudaram completamente. Mas e aí, o que acham que ele quis dizer quanto aos 110%?

Nenhum comentário: